políticAética

Notícias da Corrupção, Desvios, Anomalias, Eleições e Meio Ambiente

  • Sobre o blog

    Uma coletânea das notícias da corrupção, desvios, anomalias, eleições e meio ambiente que aparecem na mídia todos os dias a partir de agosto de 2008.
  • Categorias

  • Arquivos

  • Páginas

  • Meta

O filho do rei do Brasil

Posted by Pax em 25/10/2009

Segundo notícia da Folha de São Paulo de hoje, o filho de José Sarney, Fernando, pedia contribuições para os apadrinhados do pai na Eletrobrás. O ministério das Minas e Energia, nas mãos do Edison Lobão, é uma fonte rica de patrocínios para o clã.

Fazer acordo com Judas tem custo elevado, afinal.

Sarney ajudou filho a “atacar” setor elétrico, revela grampo

Atualização: no site Congresso em Foco

Gravações da Polícia Federal mostram que o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), não estava alheio às investidas do filho mais velho, Fernando, sobre órgãos públicos do setor elétrico – ações que, para os policiais, configuram crime de tráfico de influência. Numa conversa, o senador orientou Fernando a arrumar emprego para aliados no comando da Eletrobrás, estatal ligada ao Ministério de Minas e Energia. Noutro diálogo, o filho do senador avisou que, feitas essas nomeações indicadas pelo pai, ele iria “atacar” os apadrinhados, com o objetivo de liberar verbas de patrocínio a entidades privadas ligadas à família -o que de fato aconteceu.

Negociações para preencher cargos na Eletrobrás começaram em fevereiro de 2008, um mês antes da definição da nova diretoria pelo ministro Edison Lobão (Minas e Energia), aliado de Sarney e alçado ao cargo em janeiro de 2008. Em 14 de fevereiro Fernando pediu ajuda ao pai para acomodar, na Eletrobrás, seu amigo Flávio Decat – engenheiro com o qual Fernando trocou vários telefonemas interceptados. Três meses após a conversa com Sarney, Decat ganhou emprego na estatal: Lobão anunciou a criação da Diretoria de Distribuição para abrigá-lo.

Anúncios

6 Respostas to “O filho do rei do Brasil”

  1. Chesterton said

    Segundo a reportagem de Regina Alvarez, os beneficiários do Bolsa Família em Presidente Vargas não estão no mercado formal nem no informal. O programa mantém as crianças na escola, mas a maioria das famílias está acomodada com o benefício, que varia de R$ 22 a R$ 200. Elas têm medo de perdê-lo ao adicionar outra fonte ao rendimento familiar. Assim, não demonstram interesse em cursos de qualificação profissional.

    – Relutei em aceitar a ideia, mas é a realidade. As famílias estão acomodadas, e não tem sido fácil tirá-las da acomodação. Acreditam que podem se manter com cento e poucos reais – afirma Ivete Pereira de Almeida, secretária de Assistência Social da prefeitura de Presidente Vargas.

    chest- bolsa familia é a corrupção do caráter.

  2. Patriarca da Paciência said

    Vou colar o Ryff para o Chesterton,

    Milionários querem mais impostos

    Preocupados com o aumento do desemprego, da pobreza e da desigualdade social, um grupo de endinheirados resolveu pedir ao governo que aumente os impostos cobrados dos ricos. O argumento é que eles têm mais dinheiro do que necessitam e que a taxação suplementar pode ser usada para bancar programas sociais e para ajudar a recuperação econômica do país. Err… na Alemanha.

    Publicado por Luiz Antonio Ryff – 24/10/09 9:22 PM

  3. Chesterton said

    Você certamente não tem neurônios suficientes para perceber a ironia…deixe para lá.

  4. Patriarca da Paciência said

    Acho que é uma ironia mesmo.

    O país da filosofia, por sua aristocracia, reconhece o acerto da política do metalúrgico.

    Quanto ao Ryff, até pode ser que é, mas um tremendo tiro no pé.

  5. Chesterton said

    ESSE É O CARAMUJO.

  6. Patriarca da Paciência said

    Certamente os dois neurônios do Chesterton não estão funcionando hoje.

    Ô Chesterton, como médico você deveria saber que os seres humanos tem mais neurônios no estômago que no cérebro.

Faça seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: