políticAética

Notícias da Corrupção, Desvios, Anomalias, Eleições e Meio Ambiente

  • Sobre o blog

    Uma coletânea das notícias da corrupção, desvios, anomalias, eleições e meio ambiente que aparecem na mídia todos os dias a partir de agosto de 2008.
  • Categorias

  • Arquivos

  • Páginas

  • Meta

Banco Central: o novo cavalo de batalha

Posted by Pax em 10/05/2010

A campanha presidencial tem mostrado algumas divergências entre as posições dos candidatos. A bola da vez é o Banco Central, ou a sua autonomia. Serra critica, Dilma e Marina apóiam.

Já tivemos a batalha da Segurança Pública com a promessa de Serra de criar o Ministério da Segurança Pública, e também um embate menor sobre o Mercosul. Agora este ponto sobre o Banco Central que diferencia as propostas dos candidatos sobre a condução da macroeconomia brasileira.

A ponto de Serra discutir nervosamente com Míriam Leitão deixando a dúvida se o estado musculoso a que se referiu querer dizer ou não um tom mais autoritário de sua parte.

Vale aguardar os próximos capítulos da nova novela eleitoral: A autonomia do Banco Central. E o desespero da torcida liberal brasileira, orfã de pai e mãe.

Anúncios

Uma resposta to “Banco Central: o novo cavalo de batalha”

  1. Elias said

    O negócio é que a canalha inventou a história de que as políticas monetária e cambial são a base dos resultados obtidos por Lula na economia. Daí que, sem poder negar esses resultados, passou a dizer que quem governa o Brasil é o presidente do BC.

    Ao mesmo tempo, entretanto, diz que Lula apenas manteve a política econômica de FHC, quando se sabe que as políticas monetária e cambial de Lula — segundo a canalha, as chaves do seu (dele) sucesso — nada têm a ver com as de FHC (pra ser exato, são o inverso do que eram no governo FHC).

    Em outras palavras: a direita não diz coisa com coisa…

    A curto e médio prazos, dificilmente o Banco Central do Brasil terá autonomia formal, seja quem for o partido no poder.

    No início do governo Lula, p.ex., com o R$ sob ataque especulatório, a autonomia do BC foi nenhuma. O governo teve que intervir pra baixar o câmbio (o US$ passou de R$.3,50, lembram?). Alcançada uma paridade mais ou menos saudável, adotou-se o câmbio flutuante (o que significa um rompimento com o sistema de “bandas” do FHC que, na prática, era a pré-fixação com outro nome).

    Enfim, a maior ou menor autonomia do BC brasileiro continuará, agora e no futuro próximo, a depender do maior ou menor sucesso da política econômica como um todo. Achar que as políticas monetária e cambial de um país como o Brasil podem navegar na contramão da política econômica global é pura flatulência…

    É bom lembrar, a propósito, que o COPOM é, somente, a diretoria do BC. Entre os integrantes desse órgão não há ninguém que não integre a diretoria da autarquia. As reuniões do COPOM são, apenas, reuniões da diretoria do BC.

    Um BC realmente autônomo implicaria uma outra composição para o COPOM. Este passaria a contar, entre seus membros, com representantes das categorias empresariais, de trabalhadores e de outros segmentos da sociedade civil. Como é nos EUA, p.ex.

    Nesse caso, uma variação mínima na taxa de juros básica resultaria num evento tão palpitante quanto uma final de Copa do Mundo. Quase sempre, haveria um embate entre a burocracia estatal (sempre propensa a manter os juros tão altos quanto possível) e os representantes da sociedade civil (sempre batalhando por uma taxa mais baixa).

    Nada mais distante do Brasil de hoje (e de amanhã… e, provavelmente, de depois de amanhã…).

    Marina só fala em autonomia do BC porque sabe que não tem a menor chance de chegar lá…

    Serra, dando uma no cravo e outra na ferradura, só está dizendo que, se eleito, vai deixar tudo exatamente como está.

    Algo que ele não pode falar com todas as letras, sob pena do eleitor começar a perguntar: se é pra continuar a fazer exatamente o que está sendo feito, pra quê precisamos de você?

    Aí começam os problemas tucanos…

Faça seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: