políticAética

Notícias da Corrupção, Desvios, Anomalias, Eleições e Meio Ambiente

  • Sobre o blog

    Uma coletânea das notícias da corrupção, desvios, anomalias, eleições e meio ambiente que aparecem na mídia todos os dias a partir de agosto de 2008.
  • Categorias

  • Arquivos

  • Páginas

  • Meta

Controlar S.A.: suspeitas de fraude ameaçam Kassab

Posted by Pax em 24/11/2011

O Ministério Público Estadual de São Paulo pediu o afastamento de Gilberto Kassab da prefeitura. Acusa de fraudes a contratação da empresa Consórcio Controlar no processo licitatório para o Programa de Inspeção Veicular na Cidade de São Paulo.

MP entra com ação contra Kassab por fraude na inspeção veicular de SP – G1

Promotoria pediu afastamento de prefeito do cargo e sequestro dos bens dele.
Prefeitura diz que contratação da Controlar seguiu rigorosamente a legislação.

O Ministério Público de São Paulo entrou com uma ação de responsabilidade civil contra o prefeito Gilberto Kassab (PSD) por suposto ato de improbidade administrativa, na tarde desta quinta-feira (24). Na ação, o MP pleiteia o “ressarcimento de danos ao erário público e ao particular”, a suspensão do contrato com a Controlar, concessionária que realiza a inspeção veicular na capital, o sequestro de bens do prefeito e outros envolvidos como garantia da reparação dos danos causados e o afastamento dele do cargo.

Eduardo Jorge, secretário municipal do Verde e do Meio Ambiente, outros 13 empresários e seis empresas, entre elas a Controlar, também são citados como acusados na ação movida pelo MP. O alvo do pedido é justamente o processo licitatório que culminou na contratação da Controlar, que, para o Ministério Público, foi constituído “de forma irregular, através de fraudes e simulações que atentam contra o edital e o contrato, que nunca foi cumprido”.

Na interpretação dos promotores Roberto Antonio de Almeida Costa e Marcelo Duarte Daneluzzi, da Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e Social, que assinam a ação, “as exigências do edital e do próprio contrato foram relevadas pelos agentes públicos, em benefício da empresa Controlar S.A., seus gestores e acionistas, com a quebra dos princípios da vinculação ao edital, da impessoalidade, da isonomia”.

A ação pede o afastamento porque, no entendimento dos promotores, “os processos administrativos demonstram ingerência do prefeito na autonomia da Procuradoria Geral do Município, bem como em virtude da resistência em atender as recomendações do Tribunal de Contas que, nos anos de 2007, 2008, 2009, 2010 e 2011, apontou irregularidades no negócio.”

O prejuízo com a suposta fraude na licitação para a Prefeitura e proprietários de automóveis da capital superaria o valor de R$ 1 bilhão, segundo o MP. Por isso, ação pede a interrupção da inspeção veicular na cidade, a devolução das multas, além de indenização por danos morais. A ação foi distribuída à 31ª Vara da Fazenda Pública da capital.

Por meio de nota, a assessoria da Prefeitura informou que “não foi comunicada pelo Poder Judiciário”. O comunicado ressalta que “a contratação do Consórcio Controlar, responsável pelo Programa de Inspeção Veicular na Cidade de São Paulo, seguiu rigorosamente a legislação em vigor com total transparência”. (continua no G1…)

Anúncios

55 Respostas to “Controlar S.A.: suspeitas de fraude ameaçam Kassab”

  1. Carlos Diniz de Araujo Santos Filho said

    desde a criação da controlar estamos sendo usurpados por uma grande mafia, com a participação evidentemente dos poderosos no poder Municipal, na qualidade de nosso prefeito, vergonhosamente acabando com os recursos de cada cidadão e talvez aplicando-o nas ilhas caimã, quem sabe
    Ocorre que com o Rodo Anel, quase que o país inteiro passa por nosso quintal e se obtivermos uma leitura da poluição na capital desde a implantação da controlar, acredito que os índices estarão os mesmos ou pior.
    Por incrível que possa parecer são paulo, virou apenas fonte de arrecadação para ser usurpadas pelos homens da capa , preta, onde uma assinatura muda nossa vida financeira, mas de resto não nada muda
    Infelizmente ainda acredito em papai noel e fada do dente, sera que devo acreditar na controlar também?
    CARLOS DINIZ – mais um cidadão indignado dentre milhoes

  2. Pax said

    Caro Carlos Diniz,

    São Paulo é uma fonte de arrecadação. Não bastassem os pedágios absurdos que não podem ser investigados, essa da Controlar e mais a indústria da multa que faz com que vivamos cotidianamente as pegadinhas municipais e estaduais.

    E obras e mais obras que estimulam o uso individual de transporte em detrimento dos coletivos e de massas.

    Sou sócio desta indignação, sim.

  3. Chesterton said

    quando o PT tomar de volta o governo paulista certamente tudo melhorará….

  4. Pax said

    Não foi isso que afirmei, caro Chesterton.

    Só sei que aqui as coisas não funcionam como deveriam e querem fazer parecer. Há enormes incógnitas …

  5. Chesterton said

    Na realidade rico não é rico por que tem dinheiro, mas porque tem um mindset totalmente diferente dos pobres. A consequência é ter mais dinheiro.

    O rico acredita que pode moldar o seu destino. O pobre acredita que o destino acontece.

    O rico assume o compromisso de ser rico. O pobre gostaria de ser rico.

    O rico entra no jogo do dinheiro pra ganhar. O pobre entra no jogo do dinheiro pra não perder.

    O rico usa juros a seu favor. O pobre usa juros contra ele mesmo, porque quer tudo pra agora.

    O rico admira pessoas ricas e as toma como exemplos. O pobre detesta pessoas ricas e as toma como exemplos de mau caráter.

    O rico se aproxima de indivíduos bem-sucedidos. O pobre prefere amigos que, como ele, passam dificuldades financeiras e são fracassados.

    O rico diz “como posso ter isso”? O pobre diz “não posso ter isso”.

    O rico estuda investimentos e faz planos. O pobre diz que “não tem tempo para estas coisas”.

    O rico é um ótimo recebedor. O pobre é um péssimo recebedor.

    O rico paga a si mesmo primeiro. O pobre paga aos outros primeiro.

    O rico prefere ser remunerado pelos resultados. O pobre prefere ser remunerado pelo tempo dispendido.

    O rico foca no patrimônio líquido. O pobre foca no rendimento mensal.

    O rico, quando sofre uma adversidade, se pergunta “como posso tirar proveito disso?”. O pobre, na adversidade, se lamenta.

    O rico identifica os ricos pela sua educação financeira. O pobre identifica alguém como “rico” pelos bens materiais que exibe.

    O rico busca a prosperidade financeira. O pobre confunde essa busca do rico com falta de espiritualidade.

    O rico foca na solução. O pobre foca no problema.

    O rico, numa compra parcelada, calcula os juros embutidos e faz contas para decidir se a compra vale a pena. O pobre só observa o tamanho da parcela.

    O rico põe seu dinheiro para trabalhar duro para ele. O pobre trabalha duro pelo seu dinheiro.

    O rico administra bem o seu dinheiro. O pobre deixa a vida o levar.

    O rico tem uma visão realista dos investimentos. O pobre quando investe pensa apenas no curtíssimo prazo e espera lucros absurdos.

    O rico não despreza um rendimento passivo, mesmo que pequeno. O pobre diz “o que adianta botar o dinheiro na poupança se rende tão pouco?”

    O rico age apesar do medo. O pobre fica paralisado pelo medo.

    O rico foca em oportunidades. O pobre foca em benefícios.

    O rico pensa grande. O pobre pensa pequeno.

    Se o rico ganha um valor, em algum tempo o patrimônio terá aumentado. Se o pobre ganha um valor, em algum tempo o patrimônio terá desaparecido completamente.

    Se você tirar todo o dinheiro de um rico, depois de algum tempo ele estará recuperado. Se você tirar todo o dinheiro de um pobre, ele dependerá de outras pessoas para sobreviver.

    O rico diz “tenho que ser rico por causa de vocês, meus filhos”. O pobre diz “não sou rico porque tenho filhos”.

    O rico tem um plano de independência para o futuro. O pobre acha que trabalhar até morrer e depender do governo e dos filhos é um plano razoável.

    O rico diz “posso ter as duas coisas”. O pobre diz “posso ter isso ou aquilo”.

    O rico procura se aprimorar sempre. O pobre acredita que já sabe tudo.

    O rico diz “que lição posso aprender com este erro?”. O pobre diz “desde o começo eu já sabia que não daria certo”.

    O rico encara um fracasso como um aprendizado. O pobre encara um fracasso como um alerta para nunca mais se arriscar.

    O rico fica cada vez mais rico. O pobre fica cada vez mais pobre.

    da net, interessante como se aplica ao brasileiro médio…

  6. iltinho said

    Engraçado levei meu carro para a inspeção ,quando o funcionario deles me alegou que meu carro havia sido reprovado no teste visual (o carro fuma)
    porem, creio eu que paguei para passar na maquina deles ok… desanimei do carro porque teria que gastar uma grana pra fazer o motor afinal o problema era visual . Então já desanimado sem chances de revogar qualquer coisa ,pensei já que tenhu outra chance de tentar passar vou tentar ,vai que passa né … Conclusão não passou deu alto nivel de Co ,mas quer dizer que se o primeiro funcionario tivesse passado meu carro na maquina e tivesse me dado estes resultados assim como este ultimo funcionario eu teria chance não é mesmo, até porque como estava tudo perdido levei o carro do jeito que estava da primeira vez .então até que ponto esta mesmo fumando ou ate que ponto eles tem razão ..tem casos que o visual é apenas uma mangueira solta mas porque não colocam na maquina ,estamos pagando pra fazer a leitura não é mesmo ,ai você coloca a mangueira volta lá e dai sai o teste (REPROVADO CO) se tivessem lido pela maquina já teria concertado o problema duma só vez.. e por ai vai …..

  7. anderson said

    porque isso não está nas primeiras paginas dos jornais?????
    Vai entender!!!!!!!

  8. Francine Mendes said

    E o Pior de tudo isso…a midia esdtá meio que abafando esse caso…
    vamos divulgar gente em toda rede social…esse Kassab tem q ser punido a pupulação não pode e não deve se calar e muito menos esquecer do que esse canalha fez até pq 2012 está ai e mais taxas e mais aumento e mlehora q e bom nada.

  9. oidiota said

    Este kassabe é um lixo bem feito pra quem votou nele e bem feito pra quem achou o rodoanel boa coisa e inclusive ganhou o nome do ilustre cidadão de são paulo que tambêm você ja sabe né !!!!

  10. Chesterton said

    Quiseram me derrubar pelo fato de eu ser gay, afirma ex-reitor da Federal de Rondônia
    Rafael Targino
    Em Porto Velho

    Comentários31
    José Januário de Oliveira Amaral não resistiu à pressão: após ser eleito e reeleito reitor da Unir (Universidade Federal de Rondônia), decidiu renunciar ao cargo na última quarta-feira (23). A ele, creditam a maioria dos problemas pelos quais passa a universidade: obras paradas, laboratórios prestes a explodir, salas abandonadas e verbas que desapareceram.
    Em entrevista exclusiva ao UOL Educação, ele nega as acusações e vai mais longe. Afirma que “não tem dúvida” de que o movimento para derrubá-lo no cargo começou pelo fato de ser gay assumido. “A greve [dos professores e estudantes] sempre foi política, nunca foi por melhoria de condições da universidade”, diz.

  11. Patriarca da Paciência said

    Chesterton,

    vou citar apenas alguns braileiros de esquerda que são “pobres”:

    Oscar Niemeyer , Jorge Amada, Chico Buarque, João Goulart, Leonel Brizola, Florestan Fernandes, Lula, Dilma, Darcy Ribeiro, etc. etc. etc.

    Chesterton, mete de uma vez por todas nessa tua cabeça dura que o que a esquerda tem não é inveja, muito pelo contrário, é solidariedade.

    O que a esquerda quer é que todos tenham um mínimo de dignidade.

    Coisa que parece impossível para vocês de direita.

    A direita pensa apenas em querer “ser melhor que os outros”.

    É issao aí.

    Vocês são apenas uma mala que temos que carregar!

  12. Chesterton said

    Oscar Niemeyer – um ícone do estatismo, faz construções inabitáveis e sempre viveu
    , Jorge Amado- iniciou a carreira fazendo jornalismo para alemães nazistas, sempre foi pena paga
    , Chico Buarque, – outro que ganhou dinheiro no capitalismo falando mal do capitalismo. Vai ver quanto dinheiro ele faturou em Cuba…zero.
    João Goulart,- latifundiário cabeça oca, nascido em berço de ouro (literalmente) uma besta quadrada
    Leonel Brizola,- esse eu conheci de perto, um ladrão fdp.
    Florestan Fernandes, – esse ficou rico? Não sabia.
    Lula,- nunca trabalhou, nunca estudou, coçou o saco 20 anos até ser alçado a presidencia. É oficialmente pobre, mas deve ser riquíssimo no caixa 2 no exterior (ilicitamente)
    Dilma, – por enquanto é pobre
    Darcy Ribeiro, – pobre

  13. Patriarca da Paciência said

    Chesterton,

    agora vou citar alguns internacionais:

    Charles Chaplin, Albert Einstein, William Faulkner , Ernest Hamingway, Victor Hugo etc. etc. etc.

    Há algum grande homem que não tenha sido de esquerda?

  14. Chesterton said

    Meu Deus, alguem salve essa pobre alma.

  15. Chesterton said

    http://www.ordemlivre.org/2009/03/por-que-os-intelectuais-se-opoem-ao-capitalismo/

  16. Patriarca da Paciência said

    “Por que os intelectuais que lidam com as palavras pensam que são valiosíssimos, e por que pensam que a distribuição deve se fazer de acordo com o seu valor? ”

    Nesta única frase pode se resumida toda a longa lenga lenga do tal Robert Nozick. Ou seja, ele não tem a mínima noção do que seja um intelectual.

    A pessoal de esquerda não vive brigando pelo “meu pirão primeiro”.

    Eles querem é que os outros possam ter um pouco de dignidade para que não se sintam tão constrangidos sempre que saem às ruas.

    O tal Robert Nozick não enxerga um palmo à frente do nariz. Só vê o própiro umbigo.

  17. Chesterton said

    A pessoal de esquerda não vive brigando pelo “meu pirão primeiro”.

    Eles querem é que os outros possam ter um pouco de dignidade para que não se sintam tão constrangidos sempre que saem às ruas.

    chest- essa é a definição de Santos. São todos santos? Mesmo se assim fosse seria extremamente egoísta, em oposição ao individualista, pois eles apenas estariam se preocupando com seus pr´oprios sentimentos.

  18. Chesterton said

    A Evolução Política do Trabalhismo Brasileiro
    Getúlio Vargas, o pai de todos, era um fascista assassino. Brizola era um golpista corrupto sócio majoritário do crime organizado carioca. Lupi, bem Lupi é uma excrescência dessa longa tradição política…

    Descobre-se agora que o governo foi advertido sobre as traficâncias no ministério muito antes de eclodir o primeiro escândalo. Há nove meses, sindicalistas ligados ao PT alertaram o Palácio do Planalto sobre a existência de um esquema de extorsão envolvendo assessores da confiança do ministro [Carlos Lupi]. Um esquema que tinha como vítimas não apenas as ONGs, como revelado por VEJA há um mês, mas também os sindicatos. Essa nova face da máquina clandestina operada pela cúpula do PDT funcionava de uma forma bem simples: no Ministério do Trabalho, registro sindical era concedido mediante o pagamento de propina. O mecânico Irmar Silva Batista foi uma das vítimas dessa engrenagem. No papel, ele conseguiu criar o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Reparação de Veículos e Acessórios no Estado de São Paulo (Sirvesp). Irmar garante ter apresentado toda a documentação necessária para transformar o sindicato em realidade. Depois de registrar o CNPJ na Receita Federal, bateu à porta do ministério para concluir o processo.
    POSTED BY SELVA BRASILIS

  19. Chesterton said

    http://www.dailymail.co.uk/news/article-2059476/35-men-rural-Brazil-sex-animal-study-finds.html

    eleitorado petista….cliente do bolsa familia

  20. Chesterton said

    \ Direto ao Ponto
    A farra bilionária do Banco Panamericano foi uma obra conjunta de Lula e Sílvio Santos

    O que houve entre o governo federal e o Banco Panamericano não foi um negócio. Foi um cortejo de negociatas envolvendo pequenos trapaceiros e figurões do Banco Central, do BNDES, da Caixa Econômica Federal, do PT e do Palácio do Planalto, além de auditores cafajestes, todos em perfeita afinação com punguistas disfarçados de executivos de uma instituição privada. A queima de bilhões de reais tungados dos pagadores de impostos não foi uma solução de emergência. Foi uma operação criminosa premeditada para livrar da falência o dono de uma rede de TV especialmente útil a caçadores de votos que, para ganhar a eleição, vendem até a mãe. Em fatias, se o freguês preferir.

    Todos os personagens da peça político-policial merecem espaço no palco, desde que não encubram a visão da dupla que concebeu e conduziu a trama bandida. Como atesta o post de 11 de novembro de 2010 reproduzido na seção Vale Reprise, o buraco negro do Banco Panamericano foi escavado em parceria por Lula e Sílvio Santos. O animador de comício e o animador de auditório planejaram a farra bilionária e mandaram a conta para a plateia. O elenco inclui numerosos coajuvantes. Mas os protagonistas são dois.
    Augusto Nunes

  21. Patriarca da Paciência said

    Parece que os ventos estão mudando!

    O governo de São Paulo já sentiu o que é “pimenta no próprio rabo”.

    Agora acontece o mesmo com o prefeito de São Paulo.

    A coisa está ficando interessante!

  22. Patriarca da Paciência said

    O Augusto Nunes está tentando ocupar o lugar que um dia foi do Diogo Mainardi, de tão triste memória.

    Que ele tire bom proveito e também compre uma passagem só de ida para a cidade dos ratos – triste Veneza!

  23. JOSE MARIO HRP said

    Esse imbróglio se chegar a Justiça mesmo, vai durar mais de 10 anos de processo tal a quantidade de documentos, de dinheiro e pessoas envolvidas na possivel irregularidade.
    Até lá Kassab está livre e desempedido.

  24. Patriarca da Paciência said

    “eleitorado petista….cliente do bolsa familia”

    Aprovação do Lula, 87% do povo brasileiro, ou seja, 87% do povo brasileiro é beneficiário do bolsa família.

  25. Chesterton said

    domingo, 27 de novembro de 2011
    JUIZ ODILON DE OLIVEIRA: ENFIM, UM MACHO DE VERDADE NO PAÍS DOS BANANAS!
    Finalmente um jornal de alcance nacional como o Globo revela as agruras do juiz Odilon de Oliveira, de quem vocês terão mais informações abaixo. Infelizmente, ela é vaga e superfical. Porém, este é um primeiro passo. O texto não diz quais são os elementos do crime organizado que querem matar o meritíssimo. Uma rápida pesquisa na internet mostra tudo isso. Quando começarem a mexer neste vespeiro vão descobrir coisas do arco da velha e nomes nem tão insuspeitos assim. Não foi à toa que membros do PT no governo correram para tentar desmerecer os arquivos do terrorista Raúl Reyes (que foi tomar sopa de siri depois de um ataque do exército colombiano na fronteira com o Equador) dizendo que eram forjados. Muitos jornalistas também, a exemplo de Pedro Dória, diziam que ligações do PT com as FARC eram coisas de vivandeiras da direita – sempre ela! – e que não mereciam ir em frente. Acho que Dória deve ter mudado de opinião.

    Segundo o juiz federal Odilon de Oliveira, de Campo Grande, MS, o Brasil já concedeu – ATENÇÃO! – mais de 400 asilos políticos, desde o primeiro Governo Lula, a guerrilheiros colombianos pertencentes às FARC. As FARC (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) sequestram, promovem atos terroristas, mantém em seus campos de concentração mais de 700 reféns, entre outras atrocidades. Mataram anteontem quatro militares colombianos em seu poder. Este é o tipo de gente com quem Marco Aurélio Garcia, o aspone para assuntos aleatórios internacionais do PT, gosta de conversar, negociar – talvez tomar umas biritas também, que ninguém é de ferro.

    O juiz Odilon não para por aí, apesar de andar com seguranças da Polícia Federal HÁ 13 ANOS. Ele afirma categoricamente que as FARC são sócias do PCC, Primeiro Comando da Capital, aquela entidade “filantrópica” que causou distúrbios em São Paulo em 2006, um ano eleitoral. Junto com o PCC, o Exército Pátria Livre, que abriga a nata da bandidagem paraguaia, sequestrou e matou a filha do ex-presidente Raúl Cubas. Um detalhe sórdido: o resgate havia sido pago. O Brasil entra novamente na história da forma mais torpe e imunda que se possa imaginar: dá asilo político a três filhos da puta paraguaios que participaram do crime: Juan Arron, Anuncio Martí e Victor Colmán.

    Pergunto ingenuamente: o que leva a um governo a prestar rapidamente um auxílio a deliquentes deste tipo? O caso mais notório – e agora sei que é 1 em 400 – é o do Cura Camilo, um dos braços das FARC no Brasil. Seu nome é Olivério Medina e sua mulher TRABALHA NO MINISTÉRIO DA PESCA! Quem assinou a nomeação foi uma senhora que atende pelo nome de Dilma Vana Roussef, o poste de estimação do Çábio de Garanhuns.

    Mas por que tanto tempo para se levantar a história de Odilon por aqui? Bom, para uma imprensa que ficou 16 anos sem dar uma notinha de rodapé que fosse sobre o Foro de São Paulo, é até um alento saber que levaram “só” uns quatro para saber quem é Odilon de Oliveira. Resta agora o jornalismo investigativo… investigar. Mas investigar mesmo!

    Quem quiser saber mais sobre o Foro de São Paulo pode escrever o nome da entidade no campo de buscas à direita aqui no blog.

    Todo apoio ao juiz Odilon!

    Detonado por Felipe Flexa

  26. Chesterton said

    http://www.jornalopcao.com.br/posts/reportagens/nordestino-trocou-botina-pelo-bolsa-familia

  27. Chesterton said

    http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u76130.shtml

    outra opinião

  28. Chesterton said

    DOMINGO, 27 DE NOVEMBRO DE 2011
    Caso Chevron: vazamentos da sócia Petrobras são muito maiores.
    Os vazamentos de petróleo no Brasil são mais comuns do que se pensa. Só a Petrobras, a maior empresa do setor, encerrou o ano passado poluindo mais e recebendo um grande volume de autos de infração dos órgãos de fiscalização. Em 2010, a estatal registrou 57 vazamentos, contra 56 ocorrências em 2009. O volume de petróleo e derivados derramado cresceu cerca de 163%, pulando de 1.597 mil barris, em 2009, para 4.201 mil barris espalhados na natureza no ano passado, quase o dobro dos 2.400 barris que teriam vazado do poço da Chevron no campo de Frade (Bacia de Campos), onde a Petrobras tem 30%.

    O óleo vazado pela Petrobras em 2010 foi o maior em pelo menos quatro anos, segundo levantamento do GLOBO com base em seus relatórios de sustentabilidade. O número ficou acima do Limite Máximo Admissível, índice anual usado pela estatal, de 3.895 mil barris. Especialistas dizem que as empresas não estão investindo o suficiente em sistemas de segurança e ressaltam que os desafios são maiores com o pré-sal. Segundo o Relatório de Sustentabilidade de 2010, o Sistema Petrobras recebeu, em 2010, 21 autos de infração ambientais, que geraram multas de R$ 80,75 milhões. O número é 131,04% maior em relação a 2009, quando três autos totalizaram R$ 34,95 milhões. Esses números consideram multas com valores iguais ou superiores a R$ 1 milhão. Leia mais aqui.
    POSTADO POR O EDITOR

  29. Patriarca da Paciência said

    “Os objetivos iniciais do FSP estão expressos na “Declaração de São Paulo”, documento final que foi aprovado no primeiro encontro, na cidade de São Paulo, em 1990. Os participantes manifestaram a “vontade comum de renovar o pensamento de esquerda e o socialismo, de reafirmar seu caráter emancipador, corrigir concepções errôneas, superar toda expressão de burocratismo e toda ausência de uma verdadeira democracia social e de massas.”
    (wikipédia).

    Qual é o problema do Foro de São Chesterton?

    Por acaso você querem proibir o direito constitucional de “livre associação, desde que pacífica.”

  30. Patriarca da Paciência said

    Correção:

    Qual é o problema do Foro de São Paulo, Chesterton?

    Por acaso vocês querem proibir o direito constitucional de “livre associação, desde que pacífica.”?

    O Olavo de Carvalho contunua a ver comunistas debaixo da cama e o Chesterton também.

    Um dia esses comunistas ainda vão sair de debaixo da cama e vão pegar o Chesterton o Olavão.

  31. Chesterton said

    Foi negado por anos a fio, esqueceu xxxxxxx?

    ” O socialismo termina quando o dinheiro dos outros acaba”
    M. Tatcher

    —-

    xxxxx – editado pelo moderador

  32. Chesterton said

    Durante solenidade oficial em Salvador, o ministro das Cidades Mário Negromonte chorou ao falar sobre as denúncias de corrupção em seu Ministério, e as atribuiu ao “preconceito da imprensa do Sul” contra mulheres e nordestinos. Notícia do Estadão:

    O ministro das Cidades disse ser vítima de “fogo amigo” dentro do governo e acusou a imprensa de ter preconceituosa com mulheres e nordestinos. “Identifico fogo amigo, claro que sim! Partidos da base aliada e o próprio PP nacional – não da Bahia – têm interesse no ministério”, admitiu.
    “As denúncias surgem porque o ministério é importante. A gente toma conta de diversos programas, como o Minha Casa, Minha Vida, de R$ 170 bilhões, o de saneamento básico, de R$ 50 bilhões, o de mobilidade urbana, de R$ 30 bilhões. E a gente contraria muitos interesses. Aqui e acolá tem meia dúzia de insatisfeitos na bancada, é normal.”
    Preconceito. O ministro participou, durante a manhã, de um evento no qual foi anunciada a construção de imóveis da segunda etapa do Programa Minha Casa, Minha Vida. Deputado eleito pela Bahia, Negromonte também disse ser vítima de preconceito por ser nordestino – e acusou a “imprensa do sul”.
    “As denúncias vêm de parte da imprensa, insatisfeita com o governo federal, interessada em enfraquecer a presidente Dilma (Rousseff). É uma mulher e existe discriminação”, especula. “Existe discriminação com o nordestino também. Fizeram uma ilação com a Festa do Bode (Negromonte é acusado de tráfico de influência para ajudar a financiar o evento). Se fosse a Festa da Uva ou da Maçã, certamente ninguém faria discriminação. Mas como é Festa do Bode, coisa de nordestino, e o ministro é nordestino, tome cacetada.”
    (…)

  33. Patriarca da Paciência said

    Estou reavaliando seriamente a minha posição de conversar com todos, inclusive com animais irracionais.

  34. Edu said

    É bom vêlos novamente, meus amigos.

    Infelizmente não tenho tido tempo para opinar e sustentar debate contra vcs! Espero que tão logo passe esse período de loucura profissional/acadêmica/pessoal eu volte a participar da política como cidadão por aqui!

    Abraço a todos!

  35. Edu said

    Ops! hahahah

    Desculpem: debrate contra vcs não! Debate COM vcs! (ato falho – hehehe)

  36. Pax said

    Fala, Edu,

    Boa sorte aí nas atividades.

    —–

    Chesterton,

    Teu comentário #31 foi editado. Favor se conter.

  37. elias said

    Pax,

    Que pena saber que o Eduardo Jorge está metido nessa roubalheira do Kassab…!

    Logo o Eduardo Jorge, aquele rapaz talentoso…

    Nos anos FHC, Eduardo Jorge foi acusado de estar metido até o pescoço num monte de esquemas roubacionais.

    Ele foi ao Congresso, dizer que não era lobista, nem praticava advogacia administrativa (ele era secretário do FHC, lembra?). Ele disse também que era capaz de, em menos de uma hora, estruturar dezenas de negócios superlucrativos no Brasil.

    Uma coisa fantástica! Em menos de uma hora, o cara estruturava dezenas de negócios superlucrativos.

    Aí o PSDB perdeu as eleições e, misteriosamente, sumiu o fantástico poder de Eduardo Jorge, de, em menos de uma hora, estruturar dezenas de negócios superlucrativos…

    Desde que acabou o mandato do FHC, nunca mais o Eduardo Jorge estruturou dezenas de negócios superlucrativos em menos de uma hora. Agora, passam-se milhares de horas, dezenas de milhares de horas, sem que Eduardo Jorge consiga estruturar um único negócio superlucrativo.

    Deve ser por isso que ele acabou metido nessa do Kassab.

    Como a Greta Garbo… Aquela que acabou no Irajá…

  38. Chesterton said

    Cadeia para todos…depois que os petistas forem em cana.
    Aí, Pax, valeu.

  39. Pax said

    Caro Elias,

    O Eduardo Jorge em questão é outro. É o Secretário de Meio Ambiente em SP.

    Ele é do PV.

    Ok, caro Chesterton. Mas vamos lembrar de estimularmos a discussão baseada em argumentações, por favor.

  40. iconoclastas said

    “O Eduardo Jorge em questão é outro. É o Secretário de Meio Ambiente em SP.”

    ;^)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))

  41. Pax said

    Parece que tem mais caroço neste angu… envolvendo, também, o PSDB.

    Pois, então, vejamos o que rola na grande mídia

    http://noticias.r7.com/blogs/ricardo-kotscho/2011/11/28/controlargate-faz-kassab-viver-inferno-astral/

  42. elias said

    Pax,

    Então o Eduardo Jorge é outro ladrão?

    Que sina, rapaz…!

  43. Pax said

    Tudo indica que sim, caro Elias.

    Tem um no PSDB e outro no PV.

    Atualmente não compraria carros usados se o vendedor tivesse este nome.

    Vai que a falta de sorte acabe me premiando com um destes dois.

  44. Chesterton said

    http://www.midiaamais.com.br/cultura/7364-elogia-a-irresponsabilidade

  45. Zbigniew said

    E o caso Controlar comeca a esfriar na “grande(?) midia”. Retringir-se as paginas locais e a alguns segundos em telejornais. Cade a sanha investigatoria da Veja e a levantada de bola pro JN? Cade a marcacao cerrada? Um cara foi preso la no RN e as notinhas soam frias e desinteressadas. Na nossa “grande(?) midia”.

    “As notas publicadas hoje na coluna de Renata Lo Prete na Folha de São Paulo, dando conta de que existem ligações entre o caso “Controlar-Kassab” e João Faustino, ex-secretário de Assuntos Federativos da Presidência da República no governo Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e subchefe da Casa Civil do então governador de São Paulo, José Serra (PSDB), dão a esperança de que o assunto saia das páginas locais dos jornais paulistas.

    Ninguém está dando nada. O site NoMinuto, do Rio Grande do Norte, publicou as acusações do Ministério Público contra Faustino, chefe da campanha de Serra no Estado, num direcionamento de licitação para a inspeção veicular no Rio Grande do Norte nos mesmos moldes do feito no Município de São Paulo.(…)”

    http://www.tijolaco.com/sera-que-vao-controlar-o-caso-controlar/
    http://www.nominuto.com/_resources/files/_modules/files/files_67484_20111124120234ab02.pdf

  46. elias said

    Zbigniew,

    A mesma coisa acontece aqui, nos comentários deste blog.

    Tem um pessoal que é superseletivo ao se indignar com a corrupção.

    É mais quem prefere mudar de assunto, fazer cara de paisagem, olhar pro outro lado…

  47. Zbigniew said

    “Out of toppic” – como disse o L.U.: “Não sei o que é pior: se é o Boni admitir, na Globonews, que a própria Globo manipulou um debate presidencial para eleger o pior presidente da história do país, ou se é a maioria das pessoas só ficar sabendo disso porque saiu na Globo…”.
    Eu só acrescentaria: “(…) ou se é a maioria das pessoas só acreditar porque saiu na Globo…”

  48. Zbigniew said

    Não que não existam irregularidades. Existem! E devem ser apuradas, e a imprensa deve fiscalizar e cobrar.
    Ocorre que a quando a imprensa faz papel de oposição, a luta contra a corrupção torna-se inócua pela presença da hipocrisia e do denuncismo puro e simples.
    Aí ocorre mais ou menos isso:

    Por A.R. comentando o post “A Denúncia contra Negromonte” no site do Luis Nassif.

    “Cronologia de uma fritura.

    1) Um, ou mais, desafeto procura um jornalista e passa uma informação. O jornalista, sem investigar, sopra a informação que serve de balão de ensaio.

    2) Pela repercursão da informação, determinado “veículo” se encarrega do “ponta pé” inicial.

    3) Uma série de denúncias é preparada para alimentar a cadeia da fritura.

    4) Essa série de denúncias apresentadas em curto espaço de tempo não permite que o jornalista investigue a sua veracidade.

    5) A veículação dessas denúncias, quase que diariamente, não permite ao denunciado se defender apropriadamente.

    6) A massificação das denúncias, fundamentadas ou não, intensifica a perda de apoio político do denunciado.

    7) Essas denúncias, pelo tempo de exposição, começam a respingar por todos os lados.

    8) Nessa fase a perda de apoio político é total, já não importa se as denúncias são verdadeiras ou não.

    9) O processo é concluído com a renúncia inevitável do denunciado, inocente ou não.”

    (http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/a-denuncia-contra-negromonte#more)

    Aí surge isto:

    http://www.youtube.com?watch?v=B4cV5hkZ9iQ&feature=youtube_gdata_player

  49. Pax said

    Caro Zbigniew,

    Me permita discordar um tanto.

    Diga-me, de outro lado, por favor, quantos dos denunciados provaram suas inocências e voltaram aos seus postos?

    Lembro de um, o Henrique Hargreaves, ministro chefe da casa civl do Itamar Franco. Foi acusado (não lembro de quê foi), o Itamar o afastou, tempos depois, sem que se conseguisse comprovar sua culpa, voltou ao cargo.

    Agora veja a lista abaixo, dos caídos de Dilma:

    Antonio Palocci – Casa Civil
    Alfredo Nascimento – Transportes
    Wagner Rossi – Agricultura
    Pedro Novais – Turismo
    Orlando Silva – Esporte

    Aponte-me, por favor, um que tenha sido impedido de se defender em público. Melhor ainda, aponte-me um que tenhamos convicção que é absolutamente honesto e deve voltar ao seu posto no ministério de Dilma.

    Infelizmente acho que você não conseguirá.

    Veja que nem citei o Lupi. E não vejo qualquer diferença qualitativa do atual ministro do Trabalho com a lista acima.

  50. Zbigniew said

    Caro Pax.

    aponte dentre eles aquele que é desonesto, comprovadamente. Sem julgamento político. Afora o Palocci no que se refere ao Francenildo e à orgia lá na casa de Brasília, nenhum!

    Há ilações, suspeitas, algumas até bem plausíveis, mas comprovadamente, preto no branco, tá difícil. O julgamento é político. Não é possível que não se note que a imprensa faz esse jogo.

    Defender em público já é um grande problema. Há realmente equilíbrio de cobertura entre o que um Ministro diz e o que afirma uma revista em campanha? Não acredito.

    O Abi Ackel foi defenestrado publicamente, não conseguiu se defender (não havia espaço ou vontade jornalística). E depois? Comprovou-se sua inocência. Mas, na memória política do país, ao quê o nome do Abi Ackel está relacionado? Ao contrabando de pedras preciosas.

    O Ibsen Pinheiro foi pelo mesmo caminho. Deixou a vida pública.

    Continuo afirmando que a exploração política de casos de corrupção pela mídia não é boa para o país. A fiscalização, sim. Desde que houvesse equilíbrio na cobertura. Veja esse caso de São Paulo. Se você for esperar pelos principais veículos de comunicação, não vai ter muita novidade. A não ser a reboque de um lance de mais impacto dos órgãos oficiais.

    É óbvio para todos que participamos desse teu espaço democrático e rico que a imprensa, no Brasil, funciona dessa maneira. Hoje, é aliada de primeira da oposição. Logo, o combate à corrupção está em segundo plano. A idéia da corrupção como incrementada pelo governo do PT esta em primeiro. É para isso que serve o denuncismo seletivo. O programa partidário do PSDB baseou-se exclusivamente nisto. Que bela oposição!

    É realmente um dilema. Fechar os olhos para a corrupção porque há uma exploração política dos casos denunciados pela mídia que alimenta uma oposição capenga e sem proposições? Concordo que não! Mas não podemos ficar calados perante esta situação. Derrubem-se os ministros, mas não se deixe de apontar o dedo aos órgãos de imprensa. Com certeza eles se beneficiam deste estado de coisas.

  51. Pax said

    Ah, caro Zbigniew

    Vou pegar só o caso do Pedro Novais, que me parece o mais patético. Ele mesmo confirmou que pagava empregada de casa, motorista da esposa e sabe mais lá quem com dinheiro do governo. Podemos considerar isto um “julgamento político”? Putz.

    Desculpe-me, de novo, por discordar com enorme veemência.

    A mídia é de oposição? Podemos discutir o quanto quiser, sim. Teremos muitos assuntos.

    Mas defender indefensáveis já me parece viagem completa.

    Tem jornalista da situação que está se igualando a jornalista da oposição em histeria.

  52. Zbigniew said

    Ok, Pax. Realmente há casos patéticos, como esse. De um primarismo e de uma estupidez ímpares. De um desrespeito com a coisa pública, uma desfassatez sem tamanho.
    O caso da carona do Lupi no avião do empresário é outro exemplo de falta de ética.
    O que não anula a crítica aos meios de comunicação que colocam todos num mesmo balaio, uma vez que todos os políticos são desonestos, principalmente os pertencentes ao ministério de Dilma. A facilidade em acusar, levantando suspeitas, a maioria não comprovadas, exceto essas mais escabrosas, combinada com o denuncismo seletivo, pra mim, com todo respeito à sua posição, não traz nenhum benefício ao país, a não ser direcionar politicamente a população.

  53. Chesterton said

    No governo do PT, aumenta percentual de alunos de 15 a 17 anos fora da escola, depois de redução de 45% nos oito anos de FHC

  54. Chesterton said

    Historiador pilantra

    “Se seguíssemos com a política de Fernando Henrique Cardoso, o Brasil teria quebrado. O Brasil deu certo apenas porque mudamos suas políticas”.

    Lula, em entrevista à revista The New Yorker, explicando que, para salvar o Brasil, criou o Plano Real, cuja aprovação no Congresso só foi possível porque o PT venceu a resistência de Fernando Henrique Cardoso.

    chest- até o Elias vai aceitar que Lula é um pilantra 171….

  55. Chesterton said

    Não é verdade que ninguém está acima da lei, como afirmam os legalistas e pseudodemocratas: estão, sim, acima da lei, todas as pessoas que vivem no cimo preponderante das normas e princípios constitucionais e que, por isso, rompendo com o estereótipo da alienação, e alimentados de esperança, insistem em colocar o seu ousio e a sua juventude a serviço da alteridade, da democracia e do império dos direitos fundamentais.
    Decididamente, é preciso mesmo solidarizar-se com as ovelhas rebeldes, pois, como ensina o educador Paulo Freire, em sua pedagogia do oprimido, a educação não pode atuar como instrumento de opressão, o ensino e a aprendizagem são dialógicos por natureza e não há caminhos para a transformação: a transformação é o caminho.

    Associação Juízes para a Democracia

    chest- não, não é da Associação dos Palhaços de Circo…agora fudel.

Faça seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: