políticAética

Notícias da Corrupção, Desvios, Anomalias, Eleições e Meio Ambiente

  • Sobre o blog

    Uma coletânea das notícias da corrupção, desvios, anomalias, eleições e meio ambiente que aparecem na mídia todos os dias a partir de agosto de 2008.
  • Categorias

  • Arquivos

  • Páginas

  • Meta

Afasta de mim este cale-se

Posted by Pax em 30/03/2013

Nunca gostei do jornalista Luiz Carlos Azenha. Principalmente nos últimos anos em que sua dedicação ao jornalismo tendencioso, com um só lado, se acentuou.

Nesta posição confesso que prefiro ler Ricardo Kotscho, um amigo de Lula e defensor do petismo, que consegue manter alguma posição crítica.

Não lembro deste blog ter alguma notícia colecionada (raiz, motor, deste blog: coleção do noticiário) que venha do Azenha. Pode ser que tenha, confesso que não lembro. Exatamente porque o “Sobre o Blog“, texto ruim que se mantém desde o nascedouro, declara que a seleção de noticiário daqui procura fontes não tendenciosas. Enfim, não é preciso alongar sobre explicações deste blog – de meia dúzia de leitores fiéis – que já vai para a maioridade da blogosfera, com quase 5 anos de existência, uma vida neste mundo.

Porém leio alguns posts do Azenha, no Viomundo, assim como leio alguns posts de alguns blogs do outro lado desta moeda, blogs da atual e enfraquecida oposição. Alguns dos quais chegam ao extremo de pregar a volta dos militares ao poder, lixos que se encontra por aí. Alguns bastante famosos que hoje defendem Marcos Feliciano, Jair Bolsonaro e toda essa turma vomitável que está no topo do noticiário político. Direito deles.

A política nacional está chata. Efervescente, democrática, mas chata. Um maniqueísmo bobo e pouco produtivo. Ou se é gado de Lula ou se é gado de quem é contra Lula e ponto. Há muito pouco espaço para quem deseja olhar a situação atual sem tamanha tendência.

Este blog se permite ficar, ou tentar, à aparte desse jogo infantilizado, pouco crítico, pouco real.

Só que Azenha, pela essência do que a democracia apregoa, deve ter seus direitos de opinião e expressão libertos de qualquer jugo. Não é o que parece acontecer. E aí a situação começa a complicar. A própria democracia fica sob ameaça.

Hora de redobrar a atenção. Hora de apoiar que Azenha, e qualquer um, lulista ou anti-lulista, para que tenham todo e completo direito à liberdade de opinião e expressão.

O que o jornalista declara em seu post – do blog que se encerra – merece reflexão. Que democracia é essa?

Globo consegue o que a ditadura não conseguiu: calar imprensa alternativa

Não parece 2013. Uma notícia desta parece mais 1964, 68, 73 etc, anos obscuros que não podem retornar.

Anúncios

15 Respostas to “Afasta de mim este cale-se”

  1. Michelle 2 said

    Golpistas de araque

    Zé Dirceu e Rui Falcão não devem ter notado, mas a mesma pesquisa do Ibope que deu 76% de aprovação à presidente Dilma revelou que 38% dos entrevistados acham o noticiário da mídia favorável ao governo, 34% o consideram neutro, e só 11% o avaliam como negativo.

    Que imprensa golpista de araque é essa, que trata tão bem o governo petista? E ainda precisa ser controlada?

    Mais de 500 emissoras de televisão, 11 mil rádios, 5 mil revistas e centenas de jornais, sem contar os incontáveis sites e blogs, inúmeros mantidos por verbas oficiais, são a prova viva da liberdade e pluralidade de opinião no Brasil.

    Qualquer proposta de real democratização da mídia começa pela proibição que políticos controlem meios de comunicação. E para isto nem é preciso uma nova lei, basta aplicar com rigor a que está em vigor, e juízes que obriguem Sarney, Renan, Collor, Jader Barbalho e todos os políticos – e seus parentes e laranjas – que têm rádios, jornais e televisões, a cumpri-la.

    Na Venezuela, a Globovisión, última rede de televisão que ainda fazia a possível oposição a Chávez, jogou a toalha e foi vendida a um empresário chavista. Na Argentina, os empresários kirchneristas já dominam a maior parte dos meios de comunicação. E tanto a mídia governista platina como a bolivariana faturam a parte do leão das verbas oficiais de publicidade, que crescem a cada ano. É esse “controle social” que eles sonham para o Brasil.

    Mas, mesmo se um dia essa sonhada “Lei Dirceu” for discutida, já será tarde demais: a internet será acessível a todos e incontrolável, dando à liberdade de informação e opinião um poder que tornará qualquer tentativa de controlar jornais, revistas e televisões tão defasada quanto inútil.

    Não há conflito de opinião, calúnia ou difamação, em qualquer mídia, que não possa ser resolvido na Justiça, onde cada um responde pelo que diz e faz. Já são muitos, serão cada vez mais, os mentirosos e difamadores que pagam pesadas indenizações e são obrigados a humilhantes retratações públicas.

    NM

  2. Zbigniew said

    Pax,
    o editorial de O Globo de abril de 1964 continua bastante atual para aquela empresa. Qualquer contrariedade aos seus interesses é motivo de acusação de censura e de retaliação através da judicialização ou da chantagem. Empresas como essas não podem deter tal poder porque conspiram continuamente contra a democracia. Infelizmente a nossa sociedade ainda não tem maturidade para, sequer, debater a redução da abrangência de tais órgãos por confundir regulação com controle irrestrito.

  3. Patriarca da Paciência said

    O ano de 2013 já trouxe provas cabais de muitas coisas que todos sabiam, mas não tinham sido devidamente comprovadas.

    Uma que todos sabem, mas que ainda não haviam provas cabais – manipulação de eleições pela “grande” mídia, algumas exitosas, como por exemplo o Collor, tanto para elegê-lo como para derrubá-lo e outras que ficaram apenas na tentativa, como o Lula e o Brizola.

    Pois bem, agora vários repórteres que presenciaram os fatos se dispõem a contar tudo.

    Vai ser muito interessante.

    Será que certos “sociólogos” ainda vão cometer o surrealismo de afirmar que a “grande” imprensa brasileira é refém da verdade?

  4. Patriarca da Paciência said

    Parodiando Jabor:

    Brasileiro – Texto imperdível!

    – Jabor é solidário. Mentira. Jabor é babaca.

    – Jabor é alegre. Mentira. Jabor é bobalhão.

    Jabor faz piadinha com as imundícies que o acompanha todo dia e gosta mesmo é de tomar bofetada na cara e dar risada. (é masoquista)

    – Jabor é trabalhador? Mentira.

    Jabor é vagabundo por excelência.

    Jabor tenta se enganar, fingindo que é cineasta. Só se for em Marte!

    Jabor, ao mesmo tempo em que fica indignado ao ver um deputado receber 30 mil por mês, para trabalhar 3 dias e coçar o saco o resto da semana, também sente inveja e sabe lá no fundo que se estivesse no lugar dele faria muito pior.

    – Jabor é honesto? Mentira.

    Nunca foi; continua de baixa qualidade.

    Jabor, ao mesmo tempo é cretino e bobalhão

  5. Jose Mario HRP said

    De verdade admiro o Azenha.
    Mas fosse o blog do Reinaldo que estivesse em tal situação e eu me colocaria a seu lado.
    Hoje nesse dia em que para alguns( eu dentre eles) o bom samaritano retornou a vida a a luz de Deus, minha prece para que na liberdade, na bondade e na democracia sigamos em frente fazendo o que os homens de boa vontade fazem ao espelho de Jesus.

  6. Patriarca da Paciência said

    “247 – Xingado recentemente de “palhaço” pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, o repórter Felipe Recondo, do jornal O Estado de S.Paulo, chafurdou e encontrou números que certamente desagradariam a direção do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que agora também é presidido por Barbosa. Como ordenou o ministro, o jornalista “chafurdou”, e encontrou.

    Leia abaixo nota sobre as descobertas de Recondo publicada na coluna de Elio Gaspari deste domingo:

    CHAFURDEMOS

    Chafurdando na notícia, o repórter Felipe Recondo descobriu que em 2012 aconteceram as seguintes gracinhas no Conselho Nacional de Justiça:
    – Em 2012 o CNJ gastou mais de R$ 1 milhão com mudanças de servidores e juízes.
    – A conta da Bolsa Moradia pulou de R$ 355 mil em 2008 para R$ 900 mil no ano passado.
    – No mesmo período as despesas com diárias de viagens quintuplicaram, chegando a R$ 5,2 milhões. As despesas com passagens (R$ 2,3 milhões) duplicaram.
    – Noves fora o fato de três ex-conselheiros servirem-se de carros oficiais. (Na Corte Suprema dos Estados Unidos só quem tem essa mordomia é o presidente da corte, no exercício do cargo.)

    Há poucas semanas o ministro Joaquim Barbosa, que assumiu o CNJ em novembro passado e portanto nada teve a ver com isso, mandou Recondo “chafurdar no lixo, como você faz sempre”. Depois desculpou-se, por intermédio de sua assessoria.

    Chafurdemos todos.”

    http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/97584/Rep%C3%B3rter-xingado-por-Barbosa-chafurdou-e.htm

    Muito interessante.

    Seria sintomas de que há uma “revolução” de repórteres no ar?

    Parece que, de repente, os repórteres resolveram fazer o seu trabalho e não apenas seguir as ordens dos patrões, quatro ou seis nesse Brasilzão todo.

    A sociedade brasileira, penhorada, agradece!

  7. Jose Mario HRP said

    Em nenhum país sério do mundo um juiz da mais alta corte poderia ter feito o que JB fez com o reporter e não sofrer uma investigação ou mesmo passar por procedimento e analise psicologica .profunda.

  8. Concordo com o paladar insosso oferecido pela política nacional. Quem olha assim, meio desavisado, pode imaginar que o que acontece aqui é reprodução fiel da bipolarização encontrada na política americana (republicanos x democratas ou situação versus oposição). Não que não existam outros por lá, é óbvio, mas o modelo vigente não permite que estes participem significativamente da divisão do poder.

    Aqui existe a polarização – bem colocada pelo Pax – mas só porque as dezenas de partidos políticos existentes (30, segundo o TSE) optaram, conscientemente ou não, pela falta de criatividade em detrimento da busca de uma personalidade própria. Aqui, a motivação é escu$a e a ideologia (no sentido clássico da palavra), se houve um dia, caiu em desuso. Fala-se de clientelismo mas penso que “bordelização” seria mais apropriado.

    As tentativas de uma terceira via continuam fracassando, por não conseguirem sensibilizar o povo ou por asfixia mecânica e nesse caso, os algozes são os políticos que não se filiam aos novos partidos (para viabilizá-los) por medo de parecerem traidores aos olhos do partido da situação.

  9. Pax said

    Bordelização: boa essa, Fernando Cesar Monteiro.

    Só que ainda vejo mais um, digamos, “defeito” no nosso modelo que é a falta de caracterização dos partidos.

    Nos EUA sabemos quais as posições dos democratas e dos republicanos para questões nacionais como aborto, porte de armas, casamento homoafetivo etc.

    Aqui os partidos se tornaram aglomerações políticas (e alianças) pouco caracterizadas. Vota-se mais por simpatia que por ideologia ou defesa de um programa.

  10. Jose Mario HRP said

    Paulo Bernardo começa a ser fritado pelo modo como namora com o empresariado conservador!
    Vai tarde!

    Aqui uma sugestão:
    http://blogdomello.blogspot.com.br/2013/03/roger-waters-do-pink-floyd-prega.html

  11. Pax said

    Uma no cravo

    Somados, os gastos com publicidade do governo paulista nesses dez anos somaram, portanto, R$ 2,44 bilhões. No período, o Estado foi governado por Geraldo Alckmin e José Serra, ambos do PSDB.

    Com o valor gasto em propaganda, seria possível construir, por exemplo, mais de metade da segunda fase da linha 5 do metrô, que vai ligar o Largo Treze à Chácara Klabin, ou custear o Instituto do Câncer por sete anos. O valor gasto com publicidade também equivale a 33 vezes o orçamento da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência.

    A informação deve ser de um blog sujo…. provável.

    Mas..

    aqui está a fonte

    http://clippingmp.planejamento.gov.br/cadastros/noticias/2013/4/1/estatais-de-sp-respondem-por-50-dos-gastos-com-publicidade

    É o Estadão.

    E uma na ferradura

    Dizem que o Brasil tem memoria curta. Dilma Rousseff parece apostar que o Brasil não tem mesmo é muita curiosidade. Em 2011, difundiu-se a versão segundo a qual Dilma ficou irritada com os malfeitores dos seus ministros. Súbito, descobre-se que a irritação da presidente é como cachorro que corre atrás de carros. Persegue seus alvos por algum tempo. Dá a impressão de que vai estraçalhá-los. Mas logo desiste.

    Em 2011, Dilma “varreu” da Esplanada Carlos Lupi (PDT) e Alfredo Nascimento (PR). Agora, reconcilia-se com o “lixo”, manda a irritação para a reciclagem e torce para que a plateia não cobre sua incoerência. Afinal, apenas segue a tradicão, adotando a ética de resultados de Max Weber, na tradução de FHC. Que já havia encantado o padrinho Lula.

    Após acertar-se com Lupi, que acaba de terceirizar o Ministério do Trabalho ao cupincha Manoel Dias, Dilma tentará recompor-se com Alfredo e sua turma nesta semana. A presidente se dispõe a devolver a pasta dos Transportes ao PR. Discute apenas o nome. Dilma quer o ex-senador Cesar Borges (BA). O partido prefere um deputado, Sugere Luciano Castro (PR-RR).

    http://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2013/04/01/sobre-dilma-cao-que-corre-atras-de-carros-e-lixo/

    Pois é, modelo político brasileiro.

    Gastam em publicidade mais que em obras para deficientes, entregam a infraestrutura (Transportes, onde a roubalheira é enorme e sem fim) para conhecidos incompetentes (na gestão e objetivos públicos) e competentíssimos desviadores.

  12. Edu said

    Sabem pq é chata?

    Pq é de curto prazo, do jeitinho que o Totó gosta.

    O dia que alguém resolver pensar no futuro de verdade, e ser coerente com ele, aí teremos alguma animação.

  13. Edu said

    Pax,

    E sabe o que é pior?

    Eu nem sei se a população presta atenção nessas propagandas do PSDB… eles deveriam ter vergonha de fazer isso. Enfim, são uns papanatas mesmo.

    Sobre a Dilma, nem vou comentar, desnecessário.

  14. Pax said

    Bem, parece que o final é feliz no tema do post.

    http://www.viomundo.com.br/opiniao-do-blog/o-leitor-que-me-fez-mudar-de-ideia.html

  15. Michelle 2 said

    Imagine na Copa:

    Rio tem salto de 24% em notificações de estupro em 2012

    O caso da turista estrangeira que no último sábado foi sequestrada e estuprada por pelo menos três homens após tomar uma van no bairro de Copacabana, zona sul do Rio, não foi um episódio isolado. O número de estupros no Estado cresceu 23,8% em 2012 em relação ao ano anterior.

    http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2013/04/130329_estupro_rio_cq.shtml

    Ou na CNN:

    http://edition.cnn.com/2013/04/01/world/americas/brazil-tourist-rape/index.html?hpt=ila_c1

    Sao Paulo, Brazil (CNN) — A female foreign tourist was kidnapped, raped and robbed on a minibus in Rio de Janeiro, police said, highlighting security concerns in the Brazilian city that will host matches in the 2014 World Cup and will put on the Summer Olympics two years later.
    ___________________

    Conheço vários americanos e europeus que admiram o Brasil,mas que nunca viajariam pro Brasil por causa da violência.
    E…eu também quando estou no Brasil, sinto-me sempre ameaçada.
    Na rua só bijuteria de feira hippie. Se possível de palha e penas.
    E olhe lá.

    Pelo que leio nos jornais internacionais…este poderá ser um problema (o medo) na Copa e Olimpíadas.

    Alguma opinião a respeito? Edu ? Pax? ou continuaremos a discutir a incompetência continuada da Ornitorrinca Presidenta?

Faça seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: