políticAética

Notícias da Corrupção, Desvios, Anomalias, Eleições e Meio Ambiente

  • Sobre o blog

    Uma coletânea das notícias da corrupção, desvios, anomalias, eleições e meio ambiente que aparecem na mídia todos os dias a partir de agosto de 2008.
  • Categorias

  • Arquivos

  • Páginas

  • Meta

Garotinho e Cabral em Bangu

Posted by Pax em 18/11/2016

Os ex-governadores do Rio de Janeiro Anthony Garotinho e Sérgio Cabral estão presos em Bangu.

Segundo farto noticiário roubaram o Estado sem parar durante suas gestões.

O canal O Meio do Pedro Doria fez uma coleção de links interessante sobre essas prisões.

Anúncios

135 Respostas to “Garotinho e Cabral em Bangu”

  1. Chesterton said

    É tão bom cuidar dos pobres”
    O populismo se cevou nesses últimos anos no Brasil

    Por: David Coimbra
    19/11/2016 – 04h02min | Atualizada em 19/11/2016 – 04h02min

    Não senti prazer ao ver o vídeo de Garotinho esperneando e gritando ao ser levado para o presídio de Bangu. Nem ao saber que outro ex-governador do Rio, Sérgio Cabral, teve a cabeça raspada ao entrar na mesma penitenciária.

    Não me comprazo com a desgraça.

    Mas há algo a festejar nesses dois fatos. É que o Brasil mudou.

    Todos nós sempre soubemos do que acontecia na política e todos nós sempre dissemos que nada jamais teria consequência.

    Agora tem consequência.

    Agora, poderosos criminosos estão indo para a cadeia.

    Digo poderosos criminosos porque é isso que eles são, e não o contrário. Eles não são criminosos poderosos. Não são como o Dadinho, da Cidade de Deus, que se transformou em Zé Pequeno. Não são contraventores que viraram chefes de gangue. Não. Foi o poder que os tornou criminosos e não o crime que os tornou poderosos.

    De certa forma, é bem pior. O criminoso de raiz não ilude ninguém.

    Ele atua à margem da lei, não por dentro dela.

    No Brasil, o poder e o crime sempre foram aliados, mas, nos últimos anos, esse consórcio se fortaleceu por conta de dois fatores. O primeiro foi a onda de prosperidade do país; o segundo, o populismo.

    O populismo é solerte, porque fornece a justificativa para o ilícito. E, não, a prosperidade não se deu por responsabilidade do populismo como querem fazer crer alguns. A prosperidade se deu porque o Brasil conseguiu controlar a inflação, o que proporcionou segurança à economia, e porque a contingência internacional era favorável. Assim, o populismo pôde se aproveitar da prosperidade a fim de se entranhar na sociedade, como soem fazer os regimes populistas.

    Sérgio Cabral é o populista clássico. Gozador, falastrão, cheio de confiança. Um carioca malandro. Até demais.

    Exatamente por ser malandro em demasia e por ter confiança em excesso que ele hoje divide uma cela de nove metros quadrados com outros cinco detentos, em Bangu.

    Garotinho, o esperneador, tem mais chances de sair de lá do que ele. Porque foi menos confiante do que ele.

    Circula “nas redes” um vídeo de Lula dando depoimento sobre Sérgio Cabral. Lula diz que Cabral é “pura emoção” e que não foram poucas as vezes em que o viu com lágrimas nos olhos só de falar no povo do Rio de Janeiro.

    Ali está, num vídeo de 30 segundos, o resumo do populismo brasileiro. Principalmente porque o discurso é feito pelo maior populista brasileiro de todos os tempos.

    Ninguém ganha dele.

    O populismo de Lula é mais viscoso até do que o de Getúlio Vargas, porque Getúlio era um latifundiário, um homem da elite, tinha baixa adesão entre os intelectuais.

    Já Lula é o personagem dos sonhos do intelectual: é um ex-operário que fala errado. O intelectual sente-se imediatamente fascinado por esse tipo tão diferente dele, que parece conhecedor dos mistérios da chamada “sabedoria popular” que ele, intelectual, jamais alcançará. Se Lula fosse índio, os intelectuais uivariam para a Lua ao avistá-lo.

    Em sua ode a Sérgio Cabral, Lula destaca, com precisão, as qualidades que o populista pretende ter. Lula começa o vídeo com uma frase extraordinária, uma sentença que tem de ser lembrada e relembrada pela posteridade, até que aprendamos alguma coisa:

    “É tão bom cuidar dos pobres”.

    Oh! O suposto herói se refocilando de prazer com seus supostos méritos. Lula ama “cuidar dos pobres”. É o Grande Pai Protetor, que estende sua mão generosa para a escumalha e a retira do lodo em que vive. Veja os pobres ali embaixo. Eles apontam o queixo para o céu e lançam olhares de admiração e agradecimento infinitos para o Pai Lula. Eles arquejam, com a língua de fora, e balançam os rabinhos de contentamento quando O Homem se curva para lhes afagar a cabeça. O Pai Lula, então, se emociona. Ele está ao lado de Sérgio Cabral. Ambos têm lágrimas nos olhos.

  2. Pedro said

    Gostei do texto do David Coimbra.

  3. Pedro said

    Não tem mais volta.
    Além dos que já foram presos, vai mais um monte………….minha opinião.

    E como dizem os espíritas…… assim seja.

  4. Pedro said

    Correm alguns boatos que o Googlias está mesmo na articulação da candidatura do Ciro Gomes.

    Por enquanto o desafio é saber em qual partido o Ciro está no momento.

    Outros boatos dizem que, ele está junto com o Patriarca, procurando o Belchior….

  5. Chesterton said

    http://www.bloomberg.com/news/articles/2016-11-20/trump-s-nato-spending-demand-would-break-denmark-s-welfare-state

    chest- os americanos sustentam o bem estar social escandinavo…

  6. Pedro Fernandes said

    Zé Luis Ricardo tem razão de estar revoltado, também estou. Passado um ano do comentário acima, e vários anos das denúncias contra o GRUPO SERVENG, não entendo porque até agora a SERVENG não entrou na lava-jato.

    Teve denuncia da SERVENG na Suiça mas no fim não deu em nada,

    Thadeu Penido SEMPRE é citado mas nunca entra.

    Sempre falam que a culpa é de funcionário, nunca dos donos da empresa (Thadeu, Rosa e Ana Maria Penido).

    Eles estão na linha de frente da corrupção do Brasil, estão em toda obra publica, ganham todas as concessões, pedágios, transposição do São Francisco, Petrobrás e tudo mais mas são BLINDADOS de todo lado porque são as pessoas mais ricas do mundo.

    A Odebrecht, Galvão, etc estão queimados até a 20ª geração, como que os Penido sempre conseguem se safar a$$im ?

    E agora até o MPF quer acabar com a lava jato.

    Quando a SERVENG vai entrar nas denúncias ?

    E agora estão querendo acabar com tudo, o congresso e parece que até o MPF quer o fim da lava-jato, os procuradores da república também estão com medo da Odebrecht,
    Só uma Bastilha aqui para melhorar

  7. Chesterton said

    http://faustomag.com/leandro-narloch-cansei-de-afirmacao-polemica-cansei-de-discutir-pessoas/

  8. Chesterton said

    Fidel morreu

  9. Chesterton said

    – Morreu Fidel.
    – Já vai tarde, ditador maldito.
    – Você está simplificando, essa não é uma opinião inteligente. Tem que considerar os pontos positivos, as complexidades da história e tudo mais. Nem tudo é certo ou errado, não seja tão bitolado.
    – É verdade, não dá pra condenar Fidel e Pinochet assim.
    – Pinochet? Como assim Pinochet? Tá maluco, cara? Aquele ditador desgraçado, maldito, fdp.

  10. Pedro said

    hahahaha
    Bem essa

  11. Pedro said

    http://www.sensacionalista.com.br/2016/11/26/grandes-marcas-esportivas-lamentam-a-morte-de-fidel/

  12. Chesterton said

    Então achavam que bastava….sentem> Michelle é na verdade Michael..

    0:12

  13. Chesterton said

    este

  14. Chesterton said

  15. Pedro said

    Tá phoda pra fechar as contas de fim de ano.
    O dinheiro sumiu….

    Viva Mantega, viva Lula, viva Dilma, viva Temer, desejo tudo de bom pra eles…..SQN

  16. Pedro said

    Buenas.
    Parece que o debate acabou.
    No fim das contas o Chester tinha razão em quase tudo.
    A esquerda fez uma lambança tão grande que sabe lá o que vai dar……….

  17. Chesterton said

    Achei que vocês tinham todos morrido….

  18. Pedro said

    Chester, meu objetivo é viver pra sempre.

    Por enquanto tá dando certo.

  19. Pedro said

    http://www.sensacionalista.com.br/2016/12/06/cabral-pede-para-passar-natal-com-a-mulher-e-e-atendido-pela-justica/

  20. Pedro said

    É Chester, já dizia o Pablo Escobar:

    “Não existe no mundo nenhuma pessoa que goste mais de dinheiro vivo que um homem de esquerda.”

  21. Guatambu said

    Dizem as más linguas que o Elias está aflito.

    Em 2016 morreu tanta gente importante que ele acha que é o próximo.

    Eu to impressionado com o fim-de-ano.

    Normalmente é um período devagar no meu tipo de negócio, mas esse ano parece que as coisas começaram a se agitar aos 45 do segundo tempo.

    Estou surfando essa marolinha.

  22. Chesterton said

    hahahahahahah

  23. Chesterton said

    Mas Pedro, estou curioso. Você disse que eu acertei quase tudo….onde foi que errei?

  24. Chesterton said

    que ano maravilhoso
    Dilma fora
    Cabral na cadeia (com a mulher)
    Hillary vai para a cadeia
    Lulla vai para a cadeia
    Obama vai ser desmascardo, é queniano
    A mulher do Obama é homem
    As filhas do casal Obama são emprestadas
    Fidel no inferno
    Só falta o colorado ser rebaixado….

  25. Pedro said

    O maior de todos os erros é torcer pro grêmio……

  26. Chesterton said

    É verdade..

    Mas temos tudo para dar certo..

    Rafael Rosset
    segunda-feira, 22 ago 2016

    No Brasil, os incentivos estão invertidos – mas vai dar tudo certo

    Suponha comigo que você tem 35 anos, R$ 500.000,00 no banco e um Q.I. acima da média. O que fazer?

    Você pode abrir uma empresa. É o que jovens com esse perfil e boas ideias costumam fazer em países mais civilizados, por exemplo. Na verdade, esse é o objetivo de vida mais cobiçado em lugares como EUA, Inglaterra e Austrália: abrir uma empresa, ganhar muito dinheiro e, no processo de ficar podre de rico, empregar dezenas ou centenas de pessoas e gerar bens e serviços que vão elevar a qualidade de vida de todos.

    Mas vamos supor que você viva no Brasil. A média de lucro (o retorno sobre o investimento do capitalista) vai de 3% a 5% (varejo), 6% (farmácias e drogarias), 10% (postos de gasolina) 11% a 13% (alimentação e serviços), só para citar alguns exemplos.

    Isso quando o empresário não opera no vermelho, pagando do próprio bolso pra manter o negócio e, com ele, os empregos de seus funcionários.

    Claro que não é só.

    Você vai gastar em média 2.600 horas por ano não fazendo o que você se propôs a fazer (produzindo bens ou prestando serviços), mas apenas para recolher os impostos, que vão incidir sobre o seu investimento antes que você tenha qualquer lucro.

    Em média, 40% do seu investimento vai para o governo; 24% vai para os trabalhadores; e, descontada a parte do banco (capital de giro, desconto de recebíveis etc.), a você será permitido ficar com apenas 7% do que gerou.

    Você será tratado como criminoso pela sociedade, será culpado por tudo o que der errado no país, e será constantemente fiscalizado e esporadicamente autuado por conta do descumprimento de alguma obrigação acessória que nem seus advogados tributário e trabalhista sabiam que existia, mas que lhe renderá uma multa de 150%, além de juros de 1% ao mês e correção monetária.

    E, claro, ocasionalmente seus funcionários o processarão, ainda que você tenha pagado todos os direitos e obrigações, e sabe-se lá o que vai decidir o juiz do trabalho, que está lá na presunção de que você é um contraventor e o seu funcionário é um anjo.

    Depois de 3 anos, há 80% de chance de você estar falido, e com sua casa, carro e o que quer que tenha sobrado de seu capital inicial ameaçado por execuções fiscais e trabalhistas.

    Não parece um prospecto muito bom.

    Mas, felizmente, você vive no Brasil, e tem opções. Você pode emprestar aqueles seus R$ 500.000,00 ao governo, por exemplo. Uma aplicação no Tesouro Direto indexada ao IPCA rendeu mais de 20% em 12 meses, e com liquidez diária. Descontados os impostos, ainda sobra uns 16% limpos. Bem melhor do que os 3% a 11% que você obtém empreendendo, e com risco praticamente zero: ao contrário do que se dá com o empreendedor, o governo irá lhe tratar como rei, porque o governo é incapaz de gastar menos do que arrecada, e sempre vai precisar de gente como você para financiar o déficit endêmico.

    Ao final de 3 anos, você terá somado cerca de R$ 364.000,00 ao seu capital de R$ 500.000,00 (ajudado pela mágica dos juros capitalizados).

    Bem melhor, não?

    Ou então você pode empregar esse seu cérebro privilegiado e estudar para um concurso público. Salários de R$ 30.000,00, que a iniciativa privada só paga a altos executivos que tenham resultados a apresentar e que estejam acostumados a viver sob intensa pressão, não são incomuns no funcionalismo, com o bônus de que você nunca será demitido, ainda que faça apenas o mínimo exigido, e, dependendo da carreira que escolher, será inclusive obrigatoriamente promovido.

    É essa a flora exótica na qual vivemos: tudo a todo o momento grita para que você não crie, não empreenda, não empregue. Se acumulou algum capital, seja rentista. Se tem uma boa educação, seja funcionário público.

    Vai dar certo sim, amigos.

    Rafael Rosset
    é advogado.

  27. Chesterton said

    morra de vergonha,Pax

    http://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2016/12/09/esta-cada-vez-mais-dificil-manter-tese-do-complo/

  28. Chesterton said

    Nem sueco resiste ao PT

    Brasil 09.12.16 17:26
    Se for comprovado que a Saab pagou propina para vender seus caças ao Brasil, o governo do PT terá realizado a façanha de implicar a Suécia num escândalo de corrupção.
    A Suécia é um dos cinco países menos corruptos do mundo, no ranking da Transparência Internacional.

    antagonista

  29. Chesterton said

    claro que o Pax nem quer saber….Elias deve estar escondido

    https://noticias.terra.com.br/educacao/rs-6-professores-sao-presos-por-fraudes-em-bolsas-de-estudo,fd150d6f219930c5d973af7afea54bbc6udp9hf6.html

    esta preso

    “A PF prendeu nesta sexta-feira Sergio Nicolaiewsky, ex-vice reitor da UFRGS e atual diretor-presidente da Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Faurgs), o professor Ricardo Burg Ceccim, um dos coordenadores do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva (PPGCol) da Escola de Enfermagem, o professor Alcindo Ferla, que também atua na Escola de Enfermagem da UFRGS, e a professora Simone Chaves, da Unisinos. Duas servidoras da UFRGS também estão presas.”

    https://www.facebook.com/ricardo.cado

    era coordenador do mais médicos da diuma figa, um ladrão barato

    Isto é PT, perda total.

  30. Chesterton said

  31. Chesterton said

    e o colorado caiu….tenho a impressão que vou ganmhar na Loto….que ano.

  32. Chesterton said

    ·
    Em uma ou no máximo duas gerações a previdência complementar estará para o INSS assim como os planos de saúde estão hoje para o SUS. E o governo, incapaz de cumprir com sua obrigação no que toca ao sistema “principal”, fará de tudo que estiver em seu alcance pra estragar o sistema “complementar”, assim como fez com os planos de saúde através da ANS, impondo percentuais máximos de reajuste, coberturas mínimas e outros “direitos” que descasam o serviço do seu preço, quebrando operadoras e seguradoras no atacado. O próprio Estado já aponta o caminho, com os fundos de previdência complementar dos servidores públicos.
    E quando juízes começarem a aposentar gente por liminar na previdência complementar, da mesma forma que hoje mandam, com uma canetada, que planos de saúde forneçam coberturas não previstas, o risco sistêmico vai ser tão grande que as seguradoras vão precisar cobrar taxas de administração cada vez mais altas pra se protegerem de contingências e evitarem a própria falência, ao mesmo tempo em que vão ter que diminuir os ganhos dos segurados, e aí vamos ter 3 classes de cidadão no país: (i) pobres, dependentes integralmente do sistema público, precisando trabalhar cada vez mais anos e se contentando com a mera subsistência durante a velhice; (ii) classe média remediada, que contratará um plano de previdência meia boca só pra fingir que vai ter uma aposentadoria melhor que o “pobre” da categoria anterior (mas na verdade não vai, assim como hoje quem tem um plano de saúde básico não está em situação muito melhor do que quem depende do SUS); e (iii) classe média alta pra cima, que vai comprometer 1/4 ou mais da renda familiar pra tentar manter o mesmo padrão de vida depois da aposentadoria, canalizando recursos para o financiamento da dívida cada vez maior do governo central através da compra de títulos, em vez de contribuir para o desenvolvimento do país via consumo e investimento. Os ricos, claro, vão continuar sem precisar se preocupar com o futuro.
    Historicamente já somos uma nação dividida entre quem vende sua força de trabalho de um lado e rentistas do outro. A CF/88, a guisa de proteger a força de trabalho, só aprofunda esse modelo, achatando e arrostando ainda mais a classe média empreendedora.
    Como sempre ocorre, quem promete o céu acaba invariavelmente entregando o inferno.
    da internet

  33. Guatambu said

    Gente, eu descobri porque os petelhos do blog sumiram!

    É que eles finalmente conseguiram o que sempre quiseram: trabalhar.

    Infelizmente, ao trabalhar, não há tempo suficiente para acessar blogs e ficar discutindo política. Especialmente quanto todos os seus “deuses” estão morrendo de corrupção, e suas fontes, como a Carta Capital estão envolvidos….

    Huá huá huá!!!

  34. Pedro said

    Confirmado, a Odebrecht era um governo paralelo mesmo.

  35. Patriarca da Paciência said

    “Desde 2012, a renda do brasileiro apresentava crescimento: 4% em 2012, 1,9% em 2013 e 2,7% em 2014. A crise se aprofundou ainda mais neste ano. “Os números que estamos vendo não são nada encorajadores”, disse Deborah Greenfield, vice-diretora da OIT, conforme a reportagem.

    O ano de 2015 foi tomado pelo desastre econômico em um cenário em que PMDB e PSDB se uniram na política do “quanto pior, melhor” para derrubar a presidente Dilma Rousseff. Já em 2016 foi quando Michel Temer e Henrique Meirelles assumiram a gestão da economia.

    A conta da queda brutal no salário do trabalhador brasileiro, portanto, deve ser cobrada dos arquitetos do golpe – Aécio Neves, Fernando Henrique Cardoso e Eduardo Cunha – bem como de seu beneficiário, que foi Michel Temer.” (247)

    E se preparem que vem muito mais.
    aposentadoria integral – há que começar aos 16 anos, não falhar um único mês, que se aposenta aos 65 anos.
    Se começar aos 27 anos, como a maioria dos universitários, aposentadoria integral só aos 77 anos.
    Quem empresa vai dar trabalho braçal a um homem com mais de 60 anos de idade ?

    De tudo isso ficou provado uma coisa. Uma charge apresentava o Obama dizendo: “Eu sempre achei que o povo brasileiro era subdesenvolvido, agora, tenho certeza, que é burro mesmo!”

    Pois então ?

    Acabou a polêmica mesmo !

    Eu sempre disse que dessa confusão não sobraria ninguém !

    Sempre disse que não acredito em político imaculado nem aqui, nem na China, nas Oropas, Steites ou sequer em outro planeta.

    Quem acredita em político imaculado são apenas os “Savonarolas” , Moro e seus paladinos da justiça.

    Como disse a Dilma: “Não vai ficar pedra sobre pedra”

    Eu me conscientizei que o povo brasileiro é burro e manipulável !

    Quem governa o Brasil é a Globo !

    Agora ela está derrubando também o Temer e a confusão vai ficar muito maior !

    Vou ficar na minha e aguardar os acontecimentos.

    Vou cuidar do meu quintal !

    Só lembrando ao Chesterton, eu sempre disse também que os presidentes republicanos são menos nefastos para a América Latina, Kennedy patrocinou as ditaduras militares e Obama os golpes parlamentares.

    Eu já estou admirando o “Trampo”.

    Em seu primeiro pronunciamento ele falou que “acabou a política intervencionista do governo norte-americano”.

    Disse que vai se preocupar apenas com os norte-americanos e o resto que se cuide.

    É isso aí.

    Eu só não entendi essa história dele ser admirador ardoroso do Putin !

  36. Chesterton said

    Será que o Elias está preso…

  37. Patriarca da Paciência said

  38. Patriarca da Paciência said

    O Brasil não está em um beco sem saída. Está é no limbo mesmo !

    André Richter – Repórter da Agência Brasil

    Entidades de classe que representam juízes de todo o país entraram hoje (15) com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) para suspender a Emenda à Constituição do Teto de Gastos (originária da Proposta de Emenda à Constituição 55/2016), que limita os gastos públicos pelos próximos 20 anos, a partir de 2017. A emenda foi promulgada na manhã desta quinta-feira.

    A ação é assinada pela Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Associação dos Magistrados do Brasil (AMB) e pela Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra). As entidades sustentam que a adoção de novo regime fiscal é ilegal por limitar e restringir a autonomia administrativa do Judiciário.

    É de se perguntar, por que então colocaram o Temer lá ?

  39. Chesterton said

    My gtod, saiu um do caixão….

    É de se perguntar, por que então colocaram o Temer lá ?

    chest- foi você que votou nele.

  40. Pedro said

    “Quem governa o Brasil é a Globo !”

    Claro, foi ela que colocou o PT lá

  41. Patriarca da Paciência said

    “Quem governa o Brasil é a Globo”.

    Mas claro não pode ser. Eu escrevi quem GOVERNA, não quem ELEGE.

    Eu votei no Temer para VICE, aliás, para VICE DECORATIVO, cargo que ele tem total competência para exercer !

  42. Patriarca da Paciência said

    Correção:

    Quem governa o Brasil é a Globo”.

    Mais claro não pode ser. Eu escrevi quem GOVERNA, não quem ELEGE.

  43. Chesterton said

    Eu votei no Temer para VICE, aliás, para VICE DECORATIVO!

    chest- o que seria da internet sem o Patriarca…..pois é, agora que vai ter o rabo decorado na cadeia é o Lulla.

  44. Chesterton said

  45. Patriarca da Paciência said

  46. Patriarca da Paciência said

    Você vive dizendo que é religioso, Chesterton, acho bom você ler a Bíblia de vez em quando:

  47. Patriarca da Paciência said

    “Aí vão quebrar as empreiteiras do país e vão vir empresas de fora. Essas empresas estrangeiras são menos corruptas? Eu tenho dúvidas se é uma questão moral das empresas. São empresas capitalistas que buscam lucro e vão usar de artifícios diversos para isso.
    O histórico que a gente tem é que as estrangeiras são tão corruptas quanto. A gente tem a SBN (empresa holandesa que aluga navios-plataforma) com a Petrobras, a gente tem o cartel das empresas de metrô e trem em São Paulo, com a Alston, francesa, e a Siemens, alemã.
    A diferença é que elas vão mandar lucros para fora, vão contratar engenheiros estrangeiros, trazer mais equipamentos, material, de fora. Eu vejo na verdade com muito receio e inquietação os desdobramentos da Lava Jato.”
    (Pedro Henrique Campos, historiador, em entrevista para a BBC-Brasil)

  48. Chesterton said

    as empreses de fora cobram menos dinheiro para fazer a mesma coisa, salvando o dinheiro do contribuinte.

  49. Patriarca da Paciência said

    Muitas das grandes empreiteiras se beneficiaram de relações especiais com o Estado desde seu surgimento entre as décadas de 30 e 50, mas o pagamento de propinas se consolidou durante a ditadura, afirma o historiador Pedro Henrique Campos, em entrevista à BBC Brasil.
    Campos diz que não se surpreendeu “nem um pouco” com os detalhes da relação escusa entre empreiteiras e governantes revelada nas delações da Operação Lava Jato: “Não só sabia que existia, mas acho que era abertamente conhecido”.
    Ele pesquisou a história dessas empresas, e em especial seus laços com a ditadura militar (1964-1985), em sua tese de doutorado pela UFF, que deu origem ao livro Estranhas Catedrais.
    Quando a Camargo Correa nasceu, por exemplo, em 1939, nota o pesquisador, um dos seus fundadores era cunhado de Adhemar de Barros, então governador-interventor de São Paulo que ficou historicamente atrelado ao bordão “rouba, mas faz”.

    http://www.bbc.com/portuguese/brasil-38337544

  50. Patriarca da Paciência said

  51. Patriarca da Paciência said

    Onde está o milagre do milagreiro ?

    “Eleito com o discurso de que seria um administrador pouco preocupado em abraçar compromissos políticos e ideológicos, Maurício Macri, 57, completa um ano na Presidência da Argentina com índices econômicos decepcionantes; comparando com o quadro de 2015, a Argentina piorou em vários índices sociais e econômicos; a inflação foi de 26,5% para 40% e o desemprego, de 7,1% para 8,5%; isso ajudou a fazer crescer a taxa de pobreza, acrescentando à população de pobres mais 1,4 milhão de argentinos. Além disso, o PIB encolheu e o país vem se endividando a cada dia”
    http://www.brasil247.com/pt/247/mundo/271132/Macri-completa-1-ano-de-governo-na-Argentina-com-%C3%ADndices-econ%C3%B4micos-ruins.htm

  52. Chesterton said

    olha o amigo do Elias

    http://www.atual7.com/noticias/politica/2016/12/projeto-de-lei-aumenta-salario-de-flavio-dino-carlos-brandao-e-secretarios-de-estado/

  53. Guatambu said

    E o projeto do Marcel Van Hatten lá no RS, que deu certo?

    Acabaram com um cabidão de empregos aparelhado pelo PT.

    Lindo demais!

    o ano 2016 foi mto melhor do que imaginávamos!

    Huá huá huá!!!

  54. Pedro said

    # 52

    Os políticos perderam a noção.
    É uma provocação atras da outra…..

  55. Pedro said

    Vcs estão loucos.

    2016 foi uma merda.
    Pelo menos pra quem tenta produzir.

    Aqui em SC alardearam que virão 1.500.000 turistas, só de argentinos.
    Fora o resto.

    Aí leio esta notícia:

    “As últimas informações da Argentina são as seguintes. A economia está em penúria, com retração no consumo em 7,5%; inflação anual de quase 40%. Quem chegar com mil pesos numa casa de câmbio comprava, pela cotação de ontem apenas R$ 213,00 e parcos US$ 63.”

    Acho que hermanos tão fu.. também.

  56. Chesterton said

    http://www.imprensaviva.com/2016/06/lula-tem-renda-declarada-de-apenas-r.html

  57. Chesterton said

    http://www.oantagonista.com/posts/o-maior-caso-de-suborno-da-historia

    chest- e o Lulla solto…..

  58. Patriarca da Paciência said

  59. Patriarca da Paciência said

    247 – Mesmo com o massacre da mídia e a perseguição judiciária, o ex-presidente Lula continua com os melhores índices em comparação com outros presidentes da República ou possíveis candidatos ao Palácio do Planalto em 2018. É o que aponta pesquisa realizada entre 10 e 14 de dezembro pelo instituto Vox Populi e divulgada nesta quarta-feira 21 pela CUT.

    Para 43% dos brasileiros, o petista é o melhor presidente do Brasil. O tucano Fernando Henrique Cardoso foi escolhido por 13% e ficou em segundo lugar. Para a pergunta “quem você admira/gosta muito?”, 33% dos entrevistados responderam Lula, enquanto 9% o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB-SP), e 8% o senador Aécio Neves (PSDB-MG).

    Lula também lidera as intenções de voto no primeiro e no segundo turno, de acordo com o levantamento. Ele tem 31% das intenções de voto espontâneas (quando os nomes dos candidatos não são citados aos entrevistados), bem à frente de Aécio (5%), Marina (4%), FHC (3%) e Alckmin (2%).

    Na estimulada, quando as opções de candidatos são apresentadas, Lula ganha de todos os possíveis adversários, segundo a pesquisa. E nas simulações de segundo turno, Lula também lidera todos os cenários: tem 43% contra Aécio (20%); 45% contra Alckmin (20%) e 42% contra Marina, que tem 21% das intenções de votos.

    Para 56% dos brasileiros, Lula fez mais coisas certas do que erradas (35%). Vale citar que 96% responderam que ficaram sabendo que Lula foi indiciado na Lava Jato.

  60. Chesterton said

    http://www.oantagonista.com/posts/eua-vao-pedir-a-prisao-de-lula-e-dilma

    EUA VÃO PEDIR A PRISÃO DE LULA E DILMA

    Brasil 22.12.16 10:27
    Os procuradores dos Estados Unidos vão pedir a prisão do Brazilian Official 1 e do Brazilian Official 2.

    Lula e Dilma Rousseff estão acabados.

  61. Patriarca da Paciência said

    Ex- Ministro da Justiça e procurador da Justiça, Eugênio Aragão

    Minha cartinha aberta ao Dallagnol:

    Meu caro colega Deltan Dallagnol,

    “Denn nichts ist schwerer und nichts erfordert mehr Charakter, als sich in offenem Gegensatz zu seiner Zeit zu befinden und laut zu sagen: Nein.”

    (Porque nada é mais difícil e nada exige mais caráter que se encontrar em aberta oposição a seu tempo e dizer em alto e bom som: Não!)

    Kurt Tucholsky

    Acabo de ler por blogs de gente séria que você estaria a chamar atenção, no seu perfil de Facebook, de quem “veste a camisa do complexo de vira-lata”, de que seria “possível um Brasil diferente” e de que a hora seria agora. Achei oportuno escrever-lhe está carta pública, para que nossa sociedade saiba que, no ministério público, há quem não bata palmas para suas exibições de falta de modéstia.

    Vamos falar primeiro do complexo de vira-lata. Acredito que você e sua turma são talvez os que têm menos autoridade para falar disso, pois seus pronunciamentos têm sido a prova mais cabal de SEU complexo de vira-lata. Ainda me lembro daquela pitoresca comparação entre a colonização americana e a lusitana em nossas terras, atribuindo à última todos os males da baixa cultura de governação brasileira, enquanto o puritanismo lá no norte seria a razão de seu progresso. Talvez você devesse estudar um pouco mais de história, para depreciar menos este País. E olha que quem cresceu nas “Oropas” e lá foi educado desde menino fui eu, hein… talvez por isso não falo essa barbaridade, porque tenho consciência de que aquele pedaço de terra, assim como a de seu querido irmão do norte, foram os mais banhados por sangue humano ao longo da passagem de nossa espécie por este planeta. Não somos, os brasileiros, tão maus assim, na pior das hipóteses somos iguais, alguns somos descendentes dos algozes e a maioria somos descendentes das vítimas.

    Mas essa sua teorização de baixo calão não diz tudo sobre SEU complexo. Você à frente de sua turma vão entrar na história como quem contribuiu decisivamente para o atraso econômico e político que fatalmente se abaterão sobre nós. E sabem por que? Porque são ignorantes e não conseguem enxergar que o princípio fiat iustitia et pereat mundus nunca foi aceita por sociedade sadia qualquer neste mundão de Deus. Summum jus, summa iniuria, já diziam os romanos: querer impor sua concepção pessoal de justiça a ferro e fogo leva fatalmente à destruição, à comoção e à própria injustiça.

    E o que vocês conseguiram de útil neste País para acharem que podem inaugurar um “outro Brasil”, que seja, quiçá, melhor do que o vivíamos? Vocês conseguiram agradar ao irmão do norte que faturará bilhões de nossa combalida economia e conseguiram tirar do mercado global altamente competitivo da construção civil de grandes obras de infraestrutura as empresas nacionais. Tio Sam agradece. E vocês, Narcisos, se acham lindinhos por causa disso, né? Vangloriam-se de terem trazido de volta míseros dois bilhões em recursos supostamente desviados por práticas empresariais e políticas corruptas. E qual o estrago que provocaram para lograr essa casquinha? Por baixo, um prejuízo de 100 bilhões e mais de um milhão de empregos riscados do mapa. Afundaram nosso esforço de propiciar conteúdo tecnológico nacional na extração petrolífera, derreteram a recém reconstruída indústria naval brasileira. Claro, não são seus empregos que correm riscos. Nós ganhamos muito bem no ministério público, temos auxílio-alimentação de quase mil reais, auxilio-creche com valor perto disso, um ilegal auxílio-moradia tolerado pela morosidade do judiciário que vocês tanto criticam. Temos um fantástico plano de saúde e nossos filhos podem frequentar a liga das melhores escolas do País. Não precisamos de SUS, não precisamos de Pronatec, não precisamos de cota nas universidades, não precisamos de bolsa-família e não precisamos de Minha Casa Minha Vida. Vivemos numa redoma de bem estar. Por isso, talvez, à falta de consciência histórica, a ideologia de classe devora sua autocrítica. E você e sua turma não acham nada de mais milhões de famílias não conseguirem mais pagar suas contas no fim do mês, porque suas mães e seus pais ficaram desempregados e perderam a perspectiva de se reinserirem no mercado num futuro próximo. Mas você achou fantástico o acordo com os governos dos EEUU e da Suíça, que permitiu-lhes, na contramão da prática diplomática brasileira, se beneficiarem indiretamente com um asset sharing sobre produto de corrupção de funcionários brasileiros e estrangeiros. Fecharam esse acordo sem qualquer participação da União, que é quem, em última análise, paga a conta de seu pretenso heroísmo global e repassaram recursos nacionais sem autorização do Senado. Bonito, hein? Mas, claro, na visão umbilical corporativista de vocês, o ministério público pode tudo e não precisa se preocupar com esses detalhes burocráticos que só atrasam nosso salamaleque para o irmão do norte! E depois fala de complexo de vira-lata dos outros!

    O problema da soberba, colega, é que ela cega e torna o soberbo incapaz de empatia, mas, como neste mundo vale a lei do retorno, o soberbo também não recebe empatia, pois seu semblante fica opaco, incapaz de se conectar com o outro.

    A operação de entrega de ativos nacionais ao estrangeiro, além de beirar alta traição, esculhambou o Brasil como nação de respeito entre seus pares. Ficamos a anos-luz de distância da admiração que tínhamos mundo afora. E vocês o fizeram atropelando a constituição, que prevê que compete à Presidenta da República manter relações com estados estrangeiros e não ao musculoso ministério público. Daqui a pouco vocês vão querer até ter representação diplomática nas capitais do circuito Elizabeth Arden, não é?

    Ainda quanto a um Brasil diferente, devo-lhes lembrar que “diferente” nem sempre é melhor e que esse servicinho de vocês foi responsável por derrubar uma Presidenta constitucional honesta e colocar em seu lugar uma turba envolvida nas negociatas que vocês apregoam mídia afora. Esse é o Brasil diferente? De fato é: um Brasil que passou a desrespeitar as escolhas políticas de seus vizinhos e a cultivar uma diplomacia da nulidade, pois não goza de qualquer respeito no mundo. Vocês ajudaram a sujar o nome do País. Vocês ajudaram a deteriorar a qualidade da governação, a destruição das políticas inclusivas e o desenvolvimento sustentável pela expansão de nossa infraestrutura com tecnologia própria.

    E isso tudo em nome de um “combate” obsessivo à corrupção. Assunto do qual vocês parecem não entender bulhufas! Criaram, isto sim, uma cortina de fumaça sobre o verdadeiro problema deste Pais, que é a profunda desigualdade social e econômica. Não é a corrupção. Esta é mero corolário da desigualdade, que produz gente que nem vocês, cheios de “selfrightousness”, de pretensão de serem justos e infalíveis, donos da verdade e do bem estar. Gente que pode se dar ao luxo de atropelar as leis sem consequência nenhuma. Pelo contrário, ainda são aplaudidos como justiceiros.

    Com essa agenda menor da corrupção vocês ajudaram a dividir o País, entre os homens de bem e os safados, porque vocês não se limitam a julgar condutas como lhes compete, mas a julgar pessoas, quando estão longe de serem melhores do que elas. Vocês não têm capacidade de ver o quanto seu corporativismo é parte dessa corrupção, porque funciona sob a mesma gramática do patrimonialismo: vocês querem um naco do estado só para chamar de seu. Ninguém os controla de verdade e vocês acham que não devem satisfação a ninguém. E tudo isso lhes propicia um ganho material incrível, a capacidade de estarem no topo da cadeia alimentar do serviço público. Vamos falar de nós, os procuradores da república, antes de querer olhar para a cauda alheia.

    Por fim, só quero pontuar que a corrupção não se elimina. Ela é da natureza perversa de uma sociedade em que a competição se faz pelo fator custo-benefício, no sentindo mais xucro. A corrupção se controla. Controla-se para não tornar o estado e a economia disfuncionais. Mas esse controle não se faz com expiação de pecados. Não se faz com discursinho falso-moralista. Não se faz com o homilias em igrejas. Se faz com reforma administrativa e reforma política, para atacar a causa do fenômeno é não sua periferia aparente. Vocês estão fazendo populismo, ao disseminarem a ideia de que há o “nós o povo” de honestos brasileiros, dispostos a enfrentar o monstro da corrupção feito São Jorge que enfrentou o dragão. Você e eu sabemos que não existe isso e que não existe com sua artificial iniciativa popular das “10 medidas” solução viável para o problema. Esta passa pela revisão dos processos decisórios e de controle na cadeia de comando administrativa e pela reestruturação de nosso sistema político calcado em partidos que não merecem esse nome. Mas isso tudo talvez seja muito complicado para você e sua turma compreenderem.

    Só um conselho, colega: baixe a bola. Pare de perseguir o Lula e fazer teatro com PowerPoint. Faça seu trabalho em silêncio, investigue quem tiver que investigar sem alarde, respeite a presunção de inocência, cumpra seu papel de fiscal da lei e não mexa nesse vespeiro da demagogia, pois você vai acabar ferroado. Aos poucos, como sempre, as máscaras caem e, ao final, se saberá que são os que gostam do Brasil e os que apenas dele se servem para ficarem bonitos na fita! Esses, sim, costumam padecer do complexo de vira-lata!

    Um forte abraço de seu colega mais velho e com cabeça dura, que não se deixa levar por essa onda de “combate” à corrupção sem regras de engajamento e sem respeito aos costumes da guerra.

  62. Chesterton said

    Dilma, a honesta….

    http://www.oantagonista.com/posts/a-imprensa-esconde-lula-e-janete

  63. Chesterton said

    O maior caso de suborno da História é muito maior

    Brasil 22.12.16 06:07
    Os procuradores dos Estados Unidos classificaram os 3,3 bilhões de reais em propinas da Odebrecht e da Braskem como “o maior caso de suborno internacional da História”.
    Mas falta incluir nessa conta a propina paga por OAS, Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa, Queiroz Galvão, Engevix e tantas outras.
    O maior caso de suborno da História é quatro vezes maior.

  64. Chesterton said

    Não vai ter golpe? Já teve!

    Lula e Dilma deram um golpe bilionário no país e, por muito pouco, não conseguiram consumar o que realmente queriam: o poder totalitário.

    Adeptos da tirania socialista de forma assumida, os petistas seguiram passo a passo as ideias de Gramsci e entenderam perfeitamente que a corrupção, quando utilizada em prol dos interesses revolucionários, é “justificável”. Foi por isso que de longe – repito, de longe – o PT foi mesmo o partido mais corrupto da história do país e até mesmo do mundo.

    A delação da Odebrecht jogou bastante coisa no ventilador, dentre elas o fato de que Lula, o chefão, sempre soube de tudo, assim como Dilma. Eles saquearam a Petrobrás, que tinha tudo para ser uma das maiores empresas de petróleo do mundo, com a única finalidade de adquirir mais poder.

    Verdade seja dita, ninguém sequer suspeitava que a podridão fosse tão profunda. Nem o povo, nem os investigadores da Lava-Jato e nem mesmo os opositores petistas de modo geral. E ainda nem acabou, tem muito mais por vir.

    Quando vai acabar? Aparentemente, nunca. Nunca vão parar de desenterrar podridão destes 13 anos em que o PT governou. O socialismo realmente faz estragos demasiados.

    https://jornalivre.com/2016/12/22/delacao-da-odebrecht-comprova-lula-e-dilma-deram-um-golpe-no-pais/

  65. Chesterton said

  66. Chesterton said

    A situação de Lula está complicada. No Brasil, é evidente que ele está com o filme queimado. É réu em cinco processos e poderá se tornar réu em pelo menos mais três. Além disso, está com popularidade baixíssima, ao contrário do que dizem os institutos de pesquisa – os mesmos institutos que “erraram” o resultado de todas as eleições nos últimos 2 anos.

    Se antes fugir do país seria fácil para ele, hoje já não é mais. O acordo firmado entre a Odebrecht e governos estrangeiros, como Suíça e Estados Unidos da América, fez com que essa coisa toda ficasse mais grave. A crise petista foi internacionalizada.

    Lula até pode fugir daqui para escapar da Justiça, mas só se for para países que o aceitem. Não serão muitos e não serão os países em que normalmente os corruptos gostam de se refugiar.

    https://jornalivre.com/2016/12/22/fugir-do-brasil-comecou-a-ficar-perigoso-para-lula-depois-da-delacao-da-odebrecht/

  67. Patriarca da Paciência said

    Do post 51

    “Por fim, só quero pontuar que a corrupção não se elimina. Ela é da natureza perversa de uma sociedade em que a competição se faz pelo fator custo-benefício, no sentindo mais xucro. A corrupção se controla. Controla-se para não tornar o estado e a economia disfuncionais. Mas esse controle não se faz com expiação de pecados. Não se faz com discursinho falso-moralista. Não se faz com o homilias em igrejas. Se faz com reforma administrativa e reforma política, para atacar a causa do fenômeno é não sua periferia aparente. Vocês estão fazendo populismo, ao disseminarem a ideia de que há o “nós o povo” de honestos brasileiros, dispostos a enfrentar o monstro da corrupção feito São Jorge que enfrentou o dragão. Você e eu sabemos que não existe isso e que não existe com sua artificial iniciativa popular das “10 medidas” solução viável para o problema. Esta passa pela revisão dos processos decisórios e de controle na cadeia de comando administrativa e pela reestruturação de nosso sistema político calcado em partidos que não merecem esse nome. Mas isso tudo talvez seja muito complicado para você e sua turma compreenderem.”

  68. Patriarca da Paciência said

    O post 67 refere-se ao post 61 e não 51

  69. Patriarca da Paciência said

    Brasil virou mesmo um “Paraguaisão”:

    Por Esmael Morais, em seu blog – O ex-presidente e atual senador Fernando Lugo lidera a disputa pela Presidência do Paraguai em 2018. O diabo é que o ex-bispo pode levar um novo golpe.

    Lugo foi destituído por um impeachment fajuto em junho de 2012 parecidíssimo como esse que derrubou Dilma Rousseff no Brasil.

    Por enquanto, os golpistas paraguaios apenas soltaram “boatos” de que o parlamentar Lugo não poderá concorrer. Lá como cá, “eles” têm medo das urnas…

    O atual presidente do Paraguai Horácio Cartes tem 8% de aprovação. Já o ex-presidente Fernando Lugo, da Frente Guasu, lidera as pesquisas com mais 70% da preferência do eleitorado.

    Sobre a tentativa de novo golpe de Estado, os advogados do senador pediram uma palavra oficial do TSJE (Tribunal Superior da Justiça Eleitoral).

    Após o pronunciamento dos juízes, Lugo deverá recorrer à Corte Suprema.

    Resumo da ópera: o script é o mesmo, só muda as personagens da trama.

  70. Pedro said

    Aviso a todos que o Pax foi vistoriar o sitio no Uruguai.
    Experimentou a plantação daí esqueceu o caminho de volta. ….

    ……

    Bom natal

  71. Patriarca da Paciência said

  72. Chesterton said

    http://www.somarparavencer.com.br/index.php/2016/11/13/a-filosofia-de-roger-scruton/

  73. Patriarca da Paciência said

  74. Patriarca da Paciência said

  75. familiabopp said

    Cosa nostra

    Líderes políticos que se diziam revolucionários começam a ser expostos como sócios da rede internacional de corrupção mantida pela Odebrecht

    Na terça-feira 17 de janeiro começa o julgamento do ex-presidente de El Salvador Mauricio Funes. Acusado de corrupção, ele foi intimado na véspera do Natal na Nicarágua, onde vive em autoexílio. O processo inclui sua ex-mulher, Vanda, e um de seus filhos, Diego.

    Funes chegou ao poder em 2009 pela Frente Farabundo Martí de Libertação Nacional, nascida da fusão de cinco organizações guerrilheiras que protagonizaram a guerra civil de El Salvador, no final do século passado.

    Vanda Pignato, ex-primeira-dama, é brasileira, antiga militante do PT. Ela garantiu o apoio do governo Lula ao marido desde a campanha eleitoral, paga pelo grupo Odebrecht, cujos contratos somaram US$ 50 milhões no mandato de Funes.

    Desde a semana passada, ele e outros 14 líderes políticos nas Américas e na África estão no centro das investigações em seus países sobre propinas pagas pela empreiteira brasileira.

    É o caso do ex-presidente do Panamá Ricardo Martinelli, que embolsou um dólar para cada três que a Odebrecht lucrou durante seu governo. Guardou US$ 59 milhões.

    Na vizinha República Dominicana quem está em apuros é o presidente Danilo Medina, reeleito em maio. No primeiro mandato, Medina fez contratos que proporcionaram à empreiteira lucros de US$ 163 milhões. Ela retribuiu com generosos US$ 92 milhões em subornos, o equivalente a 56% dos ganhos acumulados desde 2012. A taxa paga ao lado, na Guatemala, foi um pouco menor: 52%, isto é, US$ 18 milhões para US$ 34 milhões em contratos.

    Em Quito, no Equador, a polícia apreendeu na sexta-feira arquivos eletrônicos na sede local da Odebrecht. Rafael Correa, no poder há nove anos, demonstra temor com a revelação de que a Odebrecht pagou US$ 35 milhões em subornos, 28% dos seus lucros equatorianos. Em 2008, Correa expulsou a empreiteira, acusando-a de corrupção. Acertaram-se, sob as bençãos de Lula em 2010.

    Em Bogotá, Colômbia, investiga-se a rota da propina de US$ 11 milhões, pagos entre 2009 e 2014, no governo Álvaro Uribe. Rápido no gatilho, ele ontem se lembrou de uma reunião “suspeita” entre o atual presidente Juan Manuel dos Santos e diretores da Odebrecht no Panamá.

    No Peru a confusão é grande: acusam-se os ex-presidentes Alejandro Toledo (2001-2006), Alan García (2006-2011), Ollanta Humala e a ex-primeira dama Nadine (2011-2016). Eles apontam para o atual presidente Pedro Pablo Kuczynski, primeiro-ministro na época em que a Odebrecht começou a distribuir US$ 29 milhões — 20% dos lucros no país em 11 anos.

    Nada disso, porém, se compara aos lucros e ao propinoduto em Angola e Venezuela. As relações com os governos do angolano José Eduardo Santos e do venezuelano Hugo Chávez (sucedido por Nicolás Maduro) chegaram a proporcionar US$ 1 bilhão em lucros anuais. Sustentaram o caixa no exterior, estimado em US$ 500 milhões, voltado para pagamentos a políticos, principalmente brasileiros.

    Capturados pelos bolsos, líderes que se apresentavam como revolucionários nos anos 80 começam a ser expostos como sócios de uma rede internacional de corrupção, operada a partir do Brasil pela Odebrecht. Fizeram da coisa pública uma cosa nostra.

    José Casado é jornalista

    Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/opiniao/cosa-nostra-20696298#ixzz4U5XKWdkY
    © 1996 – 2016.

  76. Patriarca da Paciência said

  77. Guatambu said

    Triste nada.

    É ótimo!

    A pergunta é: Se Lula se candidatar, Patriarca, vc votaria nele?

  78. Patriarca da Paciência said

  79. Patriarca da Paciência said

  80. Patriarca da Paciência said

    Temer diz que mínimo abaixo da inflação é para estimular trabalhador a ser militar, juiz ou político

  81. Patriarca da Paciência said

  82. Guatambu said

    Escreva aqui sua Teori da conspiração.

  83. Pedro said

    Boa Guata…:~)

    ……..

    #81
    Gostei também.
    O humor explica muito.

    E como ele disse.
    Porque os EUA fizeram isso?
    Porque podiam.

    Agora imagina no mesmo contexto histórico, se outros pudessem fazer, o que teriam feito……

    China, Irã, Coreia do Norte, Cuba, etc,

  84. Pedro said

    To falando.
    Depois deste “acidente”, olha o humor aí.

    Do sensacionalista:

    Brasil, que nunca foi para amadores, passa a exigir MBA

  85. Chesterton said

    Para quem lembra do Pedro Doria: no Sem Censura só levou bicada, só falando M.

  86. Guatambu said

    Senhores,

    Sofri um infarto.

    Dentre as possíveis causas, meus médicos apontam a horrível gestão pública pela qual o nosso país está passando.

    Estarei offline até decidir com meus advogados se eu processo ou não os ex-presidentes do país.

    Grato.

  87. Chesterton said

    sério!!!

  88. Pedro said

    http://www.sensacionalista.com.br/2017/01/30/apos-prisao-de-eike-lula-faz-curso-superior-por-correspondencia/

  89. Pax said

    Novo presidente do Senado é mais um dos midas da política nacional, impressionante.

    http://oglobo.globo.com/brasil/patrimonio-de-eunicio-oliveira-cresceu-169-entre-2010-2014-20858898?utm_source=meio&utm_medium=email

    Mês de Janeiro de 2017: me recuperando de um tombaço de moto. Uma merda de um lagartão passou na frente, distraído pensando no que ia fazer na cidade, trisquei o freio da frente e frente da 700 cilindradas, em cima de prediscos da minha rua, saiu. Ninguém segura.

    4 pontos no joelho, ralado do ombro até o dedão do pé, lado direito.

    Nenhuma fratura, mas até agora tossir (fumante babaca) e espirrar mais parecem tortura do DOI-CODI dos anos 70.

    Hoje pego a moto na autorizada, lagartinho caro pra caralho.

    Num momento ruim pra cacete. Janeiro é de tirar o couro de todos, impostos pra todo lado.

    Ainda bem que temos um país que devolve esse dinheiro com excelentes escolas, hospitais, segurança etc, né não?

    E o Rei do Gado, digo, do Pó, digo, conforme um noticiário farto. Pego com as calças arriadas cagando nas suas bandas. A riqueza de detalhes impressiona.

    http://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/02/1855094-aecio-definiu-coluio-em-licitacao-em-minas-afirma-delator-da-odebrecht.shtml

    Mas tucano é tucano, são todos teflon. Nada gruda neles. Será?

  90. Pedro said

    Infarto no Guata, tombo de moto do Pax, operação de troca de sexo do Patriarca (agora é matriarca?), a bruxa tá solta……..

  91. Pedro said

    Aécio já era, não se recupera mais.

  92. Guatambu said

    Amanhã saberei sobre minha cirurgia. Depois conto mais detalhes.

    —X—

    Sabem qual é a diferença entre a Dilma e a Dona Marisa?

    Só a dona Marisa foi DECLARADA com morte cerebral.

    —X—

    Resolvi não processar ninguém sobre meu infrato que ocorreu devido às gestões petelhas: isso é coisa de gente de esquerda…. e eu não consigo ser de esquerda.

    —X—

    Aécio… quem mesmo? Já ouvi falar de um cara desses… acho que ele concorreu a algum cargo político na época do Collor, não foi?

    —X—

    Mortadela.

    Esses dias teve uma manifestação sindical da CEF.

    Motivo anunciado: os trabalhadores estão lutando contra o compartilhamento do plano de saúde, porque antes era tudo pago pela CEF, e agora eles vão ter que botar dinheiro.

    Motivo real: o governo pegou o dinheiro dos trabalhadores e investiu errado. Esse dinheiro não retornou, e agora a FUNCEF tem que administrar um rombo que o governo deixou…. e o sindicato está lutando contra… o governo!

    Vai entender os sindicatos…

    Mas tudo bem também. Tá faltando dinheiro pra mortadela: tinha menos de 5 pessoas na manifestação.

  93. Patriarca da Paciência said

  94. Chesterton said

  95. Chesterton said

    Melhoras para os doentes, saude para todos,

  96. Chesterton said

    http://www.oantagonista.com/posts/lula-ataca-a-lava-jato-no-velorio-de-sua-mulher

  97. Chesterton said

    NÃO HÁ MOTIVOS PARA PRENDER LULA (Hélio Bicudo)

    “Prender Lula só porque lavou dinheiro ocultando duas propriedades?
    Só porque ganhou imóveis e reformas de empreiteiras às quais tinha favorecido?
    Só porque recebeu propina fingindo que fez palestras que nunca deu?
    Só porque fez o BNDES emprestar 8 bilhões para Odebrecht fazer obras sem concorrência em países bolivarianos?
    Só porque comandou uma organização criminosa que quebrou a Petrobrás?
    Só porque contratou sondas superfaturadas da Schahim para receber comissões e dinheiro sujo para a campanha?
    Só porque mandou acobertar o assassinato do prefeito Celso Daniel pagando com dinheiro da comissão das sondas?
    Só porque fez a Petrobras fornecer nafta à Braskem abaixo do valor de mercado por vários anos, causando prejuízo superior a 5 bilhões segundo o TCU?
    Só porque saqueou os palácios ao ir embora, levando não só presentes de Estado como até a prataria da casa?
    Só porque escolheu e elegeu uma presidente incompetente, despreparada, desequilibrada e burra, propositadamente, esperando com isso sucedê-la 4 anos depois?
    Só porque a elegeu tapeando o povo numa campanha criminosamente mentirosa, irrigada com dinheiro roubado da Petrobras?
    Só porque permitiu que sua quadrilha saqueasse os fundos de pensão de quase todas as Estatais, prejudicando as aposentadorias de centenas de milhares de petroleiros, carteiros, bancários?
    Só porque permitiu que a Bancoop lesasse milhares de bancários para favorecer a OAS e ganhar um triplex no Guarujá?
    Só porque deu aval político e dinheiro para que organizações criminosas como o MST invadissem e depredassem impunemente fazendas, centros de pesquisa e prédios públicos?
    Só porque sistematicamente comprou apoio político através do Mensalão e Petrolão?
    Só porque colocou um cupincha no Sesi Nacional, que transformou a instituição num cabide de empregos para os companheiros e parentes vagabundos?
    Só porque ajudou o enriquecimento ilícito de seus filhos em troca do favorecimento de empresas de telefonia e outras?
    Só porque vendeu medidas provisórias isentando montadoras de impostos em troca de comissões?
    Só porque inchou o governo e as estatais com centenas de milhares de funcionários supérfluos, quebrando o Estado e provocando déficit público RECORD?
    Só porque loteou mais de 30 mil cargos de confiança com seus apaniguados, dando o comando das estatais e autarquias para petistas incompetentes que mal sabem administrar suas vidas?
    Só porque elegeu outro poste como prefeito da maior cidade do país, também com dinheiro roubado das estatais?
    Só porque comprou milhões de votos com programas de esmola como o Bolsa Família?
    Só porque criou o Bolsa Pescador, e deixou 3 milhões de falsos pescadores se inscreverem para receber a sua esmola compradora de votos?
    Só porque criou o MONOPÓLIO DAS INDÚSTRIAS PETROQUÍMICAS no país?
    Só porque aumentou nossa carga tributária de 33 para 40% do PIB?
    Só porque aumentou nossa dívida pública para quase três trilhões de reais, tornando-a impagável?
    Só porque favoreceu o sistema financeiro com taxas exorbitantes de juros, transferindo renda dos pobres para os ricos?
    Só porque conseguiu fazer o Brasil torrar toda a bonança da maior onda de alta das comodities na década passada?
    Só porque loteou todas as agências reguladoras fazendo-as inúteis na proteção dos cidadãos?
    Só porque tentou aparelhar até o STF nomeando ministros comprometidos com a proteção à sua ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA?
    Só porque deixou a Bolívia expropriar a refinaria da Petrobras sem fazer nada?
    Só porque humilhou nossas Forças Armadas nomeando ministros da Defesa comunistas e incompetentes?
    Só porque favoreceu comercialmente ditaduras como as de Angola, Venezuela e outras?
    Só porque esfriou relações e esnobou as maiores economias do mundo, direcionando nossas relações exteriores para países inexpressivos comercialmente, apenas no afã de ganhar prestígio e votos na ONU?
    Só porque humilhou o Itamaraty orientando a política externa através de consiglieri mafiosos como Marco Aurélio Garcia?
    Só porque nos envergonhou deixando nossas embaixadas e consulados sem dinheiro para pagar aluguéis?
    Só porque comprou um aerolula da Airbus pelo triplo do que poderia ter comprado um Embraer e promovido nossa indústria aeronáutica?
    Só porque descuidou dos programas de saúde pública através de ministros incompententes e desvio de verbas, permitindo a volta de doenças como a dengue e o zika?
    Só porque aparelhou todas as universidades federais com reitores de esquerda, obtusos e incompetentes?
    Só porque fez o Brasil ser motivo de chacota no mundo inteiro?
    Só porque nos tirou o orgulho de sermos brasileiros?
    Só por estes motivos?”

    ORA. NÃO É JUSTO .

  98. Patriarca da Paciência said

  99. Patriarca da Paciência said

  100. Patriarca da Paciência said

  101. Patriarca da Paciência said

  102. Pedro said

    Patriarca agora só consulta a mais confiável de todas as fontes, o feicibuqui………putz.

  103. Pedro said

    É ir pra não chorar……..

    ……..

    Dilma reclama de inflação: “ação da Petrobras saiu de R$ 4 no meu governo pra R$ 16 agora”

    A ex-presidente Dilma Rousseff reclamou do que chama de deterioração da economia brasileira. Ontem, quando a bolsa atingiu o maior valor desde 2012, Dilma disse que isso prova que a inflação está fora de controle.

    Dilma Roussef, que agora é motorista de Uber, disse que o brasileiro sente saudade de seu governo e do dólar a 4. Ela deu dicas para o brasileiro:

    “Petrobras triplicou de preço, saindo de 4 para 16. A coisa vai ficar pior ainda. Digo e repito: estoquem vento”

  104. Patriarca da Paciência said

  105. Patriarca da Paciência said

    http://www.sensacionalista.com.br/2017/02/15/brasileiros-sao-feitos-de-palhaco-e-tiririca-processa-por-apropriacao-cultural/

  106. Chesterton said

  107. Patriarca da Paciência said

  108. Olá!

    Então quer dizer que o nacional-desenvolvimentismo dos petistas e toscos afins nada desenvolveu e ainda jogou a economia do país dentro do buraco?

    Hehehehehe. . . E ainda havia uns e outros por aqui que viviam elogiando a política econômica dessa curriola de bandidos que é o PT e suas ramificações.

    O Brasil deveria produzir apenas aquilo que estivesse dentro da sua capacidade econômica e importar o resto. Para tanto, seria necessário eliminar essa maluquice que é o imposto de importação de 100% cobrado em cima de vários produtos, sobretudo os que possuem um alto teor de conteúdo tecnológico. Isso ajudaria bastante a desmantelar uma parte da cultura de privilégios bancados com dinheiro do povo e as dezenas de bilhões que são produzidas em forma de déficits.

    Até!

    Marcelo

  109. Guatambu said

    Pessoal,

    A cirurgia foi um sucesso: 1 mamária e 1 safena. Aos poucos, vou recuperando a mobilidade e vou voltando à ativa.

    Vcs andam acompanhando o canal Mamãe Falei? É muito bom! Recomendo! Pra chorar de rir com a esquerda. Parecé que todos os esquerdistas sofrem do mesmo mal. Acho que deve ser porque eles vêm do mesmo Patriarca. Hua hua hua!!!

    Outra coisa, falando em esquerda, não se vê mais o Elias né? Eu acho que trombei com ele ali no acampamento do MTST na Av . Paulista. Mas ele tava lá pedindo cargo pro Lula virar presidente do Banco Mundial. Hua hua hua!!!! Ele deve estar confundindo o Banco do Brasil (que fica ali naquela esquina, para quem não sabe) com o BM!

    E o PT, PSOL e PCdoB tentando atrair militantes? A que ru mais gostei foi a propaganda do PCdoB: “lutamos há 60 anos por um país melhor”. Que bosta hein?! Faz 60 anos que o PCdoB não contribuiu absolutamente nada para a melhoria do país! Se vc quer entrar num partido que nunca consegue nada, entre para o PCdoB! E seja um frustrado que culpa o capitalismo e a direita do seu próprio fracasso! Hua hua hua!!!

    Um grande abraço a todos!

  110. Pedro said

    Melhoras Guata.

    Mas, fazer recauchutagem no coração, enquanto o Chester tem vários pra vender, sei não…. :-)

  111. Pedro said

    Placar da delação: Lula R$ 23 milhões, Aécio R$ 9 milhões. Vice de novo…(sensacionalista).

  112. Olá!

    Muito bem lembrado, Guatambu. Cadê o Elias? Seria legal saber o que ele pensa do desastre econômico produzido por medidas que ele vivia defendendo aqui no site do Pax.

    No mais, melhoras para você, Guatambu. :-)

    Até!

    Marcelo

  113. Olá!

    Eis mais um triunfo do socialismo bolivariano.

    Isso é extremamente triste e era uma situação 100% evitável. O problema é que, na esquerda latino-americana, a ideologia e o fanatismo sempre falam mais alto do que a razão.

    No mais, uma coisa é inegável: Os bolivarianos da Venezuela conseguiram, de fato, atingir o socialismo. Obtiveram o mesmíssimo resultado que todos os socialistas vêm conseguindo desde quando um dos primeiros socialistas,
    o Robert Owens, fez a proeza de transformar em uma Etiópia uma próspera colônia fundada por imigrantes alemães nos Estados Unidos.

    Mas da próxima vez vai dar “certo”.

    Até!

    Marcelo

  114. Patriarca da Paciência said

    99,9% da esquerda brasileira não tem o mínimo interesse em republica bolivariana. Essa teoria, em verdade, existe apenas na cabeça dos fundamentalistas da direita. A Venezuela, em verdade, era um grande importador de produtos manufaturados brasileiros. Coisa que o vampiro deu um jeito de acabar.

    Eis aqui algo que realmente interessa a esquerda brasileira e que, felizmente, o governo do PT, antes do golpe, tornou irreversível.

  115. Patriarca da Paciência said

  116. Guatambu said

    Gente….

    Eu to impressionado, quanto mais a esquerda apanha, mais minha saúde melhora!

    To começando a acreditar que não é só uma correlação, mas também uma causalidade!

    huá huá huá!!!!

  117. Guatambu said

    E aí?! O que vcs acharam do depoimento do Lula?

    Eu achei muito interessante! Pra quem anuncia que sabe a solução econômica para o Brasil, não saber o próprio salário é muito interessante!

    Não sei se vcs repararam, mas o Lula diz que foi no governo dele que mexeram no processo decisório dá Petrobras, porque antes era considerado uma “caixa preta”. E ele disse que a partir do governo dele o Conselho passou a ter consciência das decisões tomadas. Ele tem que ter certeza disso! Afinal, a Dilma era conselheira na época dá gaatança irresponsável dá Petrobras, em especial, Pasadena, que a Dilma alega não saber de nada. Espero que a justiça americana esteja bem atenta a esse fato! Porque a justiça brasileira aparentemente não está!

  118. Chesterton said

    As pessoas realmente acham que o orçamento é dividido em caixinhas. Tem a caixinha da Previdência, e ela é superavitária, em vários bilhões (ninguém sabe exatamente quanto, mas que ela é, ela é). Tem a caixinha do SUS, e precisamos criar mais um imposto só pra ela, aí todos os problemas estarão resolvidos. Tem a caixinha da Educação, nela vamos colocar os royalties do pré-sal, e logo os prêmios Nobel começarão a chover no nosso quintal. Tem também a caixinha da infraestrutura: ela é bem menor do que deveria ser, e ainda tem um problemão: metade do fundo dela está faltando, o que faz com que boa parte do que a gente coloca nela escape pelo ladrão.
    Todas essas caixinhas vão bem: a única caixinha deficitária, pra essas pessoas, é a dos BANQUEIROS. Ah, esses banqueiros malvados, que emprestam dinheiro pro governo fazer o bem sem olhar quem (e é tanto bem que o governo faz, que todo ano falta dinheiro pra fechar as contas), e depois querem o dinheiro de volta. Eles são tão gananciosos que nós precisamos tirar o que transborda da caixinha da Previdência pra encher a caixinha dos banqueiros.
    Muita gente boa, desses que aprenderam a fazer contas na faculdade de Engenharia ou Matemática e não no curso de Ciência Política, desconfia que o gigantismo da caixinha dos banqueiros tem alguma coisa a ver justamente com o tamanho das caixinhas da Previdência, do SUS e da Educação, e certamente muita coisa a ver com o buraco no fundo da caixinha da infraestrutura. Desconfiam também que todas essas caixinhas menores estão contidas dentro de um caixão maior chamado TESOURO, onde todo ano se enterra quase metade do trabalho de todos os brasileiros, de tal modo que pouco importa o que se põe ou o que se tira de cada caixinha menor, o volume total do caixão se manterá o mesmo. Isso também significa que não dá avaliar cada caixinha individualmente: o que interessa é se o caixão como um todo está em ordem ou não.
    Eu já acho que a gente deveria parar de discutir as caixinhas e começar a discutir o caixão, até porque um povo que ocupa a maior parte do tempo construindo caixão acabará um dia sendo enterrado. Mas é só a minha opinião. (RR)

  119. Pedro said

    Boa

  120. Chesterton said

    Frédéric Bastiat, um inteligente deputado francês que viveu na época da Revolução de 1848, escreveu: “O Estado tem duas mãos: uma para receber e outra para dar, ou, melhor dizendo, a mão rude e a mão delicada. A ação da segunda subordina-se necessariamente à da primeira”.

    O pensamento de Bastiat poderia ser a síntese perfeita do que vemos em relação à previdência social: um seguro público, coletivo e, principalmente, compulsório, administrado pelo governo. Portanto, como uma mão rude, seu pagamento é uma imposição estatal, não uma “contribuição”, como se costuma dizer.

    Assim, o governo impõe um “contrato” sobre os cidadãos.

    Mas isso não é o mais grave.

    O esquema moderno de previdência social é concebido como um sistema de fluxo financeiro. Um recurso da parte “ativa” da população vai para a parte “inativa”. E dois problemas se destacam nesse cenário.

    A proporção entre as duas partes está crescendo desequilibradamente: os encargos sobre a população ativa estão cada vez mais altos. E como resultado, estamos vendo ampliar o número de necessitados ao mesmo tempo que está sendo reduzida a fatia dessa população ativa.
    Ao contrário do que muitos ainda pensam, o dinheiro entregue ao governo não é investido em um fundo no qual ele fica rendendo juros. Ele é repassado diretamente a uma pessoa que está aposentada. Não é um sistema de capitalização, mas de repartição: o trabalhador de hoje paga a aposentadoria de um aposentado para que, no futuro, quando esse trabalhador se aposentar, outro trabalhador que estiver entrando no mercado de trabalho pague sua aposentadoria. Ou seja, um exemplo máximo de incompetência, já que não há investimento nenhum.
    E, como se não bastasse, há um terceiro fator. Esse sim talvez seja o pior de todos. A irresponsabilidade da geração que “cuidou” de previdência social até aqui e vendeu a ilusão de uma pseudo-poupança.

    A geração de Sarney, Itamar (Collor), Fernando Henrique, Lula e seus respectivos ministros, com atitudes inconsequentes, desviaram um volume incomensurável de recursos da Previdência para os mais sinistros propósitos, cujo dinheiro jamais voltou aos cofres previdenciários.

    Podemos buscar muitos motivos para explicar tal insensatez. Mas, de certa forma, a resposta principal não é assim tão obscura. Eles simplesmente não enfrentaram o problema previdenciário porque qualquer atuação nesse setor causa desgaste político. Então, levianamente, os governos anteriores optaram pela omissão em contar a verdade aos cidadãos, levando a população apenas àquilo que lhes interessava.

    Por isso, não adianta insistir no fato de que os gastos com os aposentados aumentaram porque as pessoas passaram a viver mais. Escuto isso desde a minha adolescência, há 25 anos. O que temos que fazer é voltar 25 anos e investigar melhor por que ninguém fez os ajustes adequadamente, os ajustes graduais.

    Se isso não for feito, nenhuma reforma previdenciária vai funcionar. O governo precisa explicar, claramente, como a Previdência chegou nesse estado. Não adianta fazer fórmulas matemáticas, e até mesmo miraculosas, para dizer que daqui pra frente vai dar certo e vamos consertar as coisas para os próximos 50 anos. Porque isso não vai acontecer.

    Daqui a 10 anos a Previdência vai estar quebrada do mesmo jeito, porque ainda haverá má administração, roubos, desvios. Por isso, antes de tentar ganhar a opinião pública para que faça qualquer sacrifício e aceite a tal reforma, é preciso explicar porque a Previdência quebrou.

    Com todas as letras.

    Todavia, além das razões que comentei acima, e daquelas que o governo poderá explicar, é necessário trazer outra, que existe – e que se houver boicote à Lava Jato continuará a existir: o problema da corrupção. Mal que, conforme estamos vendo, envolveu toda a geração anterior que esteve na cúpula do poder.

    Veja apenas um exemplo.

    A JBS, da Friboi, com R$ 1,8 bilhão, é a segunda maior empresa devedora da Previdência. Apesar disso, parece não estar sendo devidamente “incomodada”.

    Um dos motivos, provavelmente, é porque a JBS também é uma das maiores financiadoras de campanhas eleitorais do país. Participante de esquemas fraudulentos sofisticados, ao ser alvo da Lava Jato, a empresa revelou pagamento de propinas a autoridades públicas para obtenção de recursos do FGTS. Os recursos desse fundo são bancados pelos trabalhadores e devem ser investidos em projetos de infraestrutura. O FGTS é uma fonte barata de financiamento e muito cobiçada pelas empresas. E o grupo JBS recebeu recursos do FGTS.

    Sim, Frédéric Bastiat tinha razão: o Estado tem duas mãos. Pelo menos.

    *Elisa Robson é jornalista

    https://republicadecuritibaonline.com/2017/03/16/a-geracao-que-destruiu-a-previdencia-e-a-sua-imensa-responsabilidade/

  121. Chesterton said

    http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=2532

  122. Patriarca da Paciência said

  123. Patriarca da Paciência said

  124. Patriarca da Paciência said

  125. Chesterton said

    Idelber Avelar
    1 h ·
    Assisti ontem à reportagem do Jornal Nacional sobre a Operação Carne Fraca, da PF. A matéria tem 12 minutos. 3 são dedicados à operação e à descrição das denúncias, que incluem, como todo mundo já sabe, o pagamento de propinas a funcionários federais, por parte da JBS e da BRF, para a liberação de carne podre, adulterada com ácido ascórbico, cabeça e bochecha de porco, papelão e o caralho a quatro. Os restantes 9 minutos são dedicados às explicações do governo e à defesa dos frigoríficos envolvidos nas denúncias.
    A divisão é grosseiramente desproporcional, mas a matéria está, no fundamental, correta. Ela apresenta o essencial da informação, inclusive o fato de que o esquema abastecia propinas para o PP e para o PMDB. Você poderia especular que a desproporção no tempo esteja relacionada ao papel central que têm JBS e BRF como anunciantes na Globo. É uma especulação legítima.
    Se a matéria fosse do Guardian ou da BBC, ela estaria melhor? Com certeza. Mas, no Brasil, isso é o que tem pra hoje. É o que temos para nos informar sobre o básico: Globo, Folha, Estadão, congêneres. Porque o resto …. Ah, o resto!
    Confesso que eu, que nunca leio a imprensa necrogovernista / lulista / petista, senti a curiosidade de lê-la desta vez, porque seria a perfeita oportunidade para fazer um mínimo de jornalismo sem abrir mão de suas posições ideológicas básicas. Afinal de contas, o escândalo aconteceu no governo Temer (não começou no governo Temer, obviamente, mas isso eles poderiam omitir sem prejuízo da informação relevante), as propinas abasteciam os “golpistas” PMDB e PP e a operação da PF é de óbvio interesse da cidadania. Porra, é carne podre!
    E eis que os veículos da imprensa necrogovernista / lulista / petista publicam as seguintes manchetes sobre o fato (não, não vou dar link, quem quiser, que ache no Google):
    “Como fica a legião de boçais que espalhou a história de que a Friboi era do Lulinha?”
    “O escândalo envolvendo a Friboi repete hoje o mesmo esquema que os EUA orquestraram contra o café brasileiro no passado”.
    “Depois de quebrar pré-sal, esquema PF e MP pode quebrar frigoríficos nacionais”.
    “Eles querem é a carne do Lula”.
    “Operação da PF arruína imagem do Brasil e põe em risco R$ 15 bilhões”.
    .
    .
    E por aí vai. Basicamente, a imprensa necrogovernista / lulista / petista está dizendo à população que o que “arruína” a imagem do Brasil não são os seus conglomerados de proteína animal comprarem o Estado para venderem carne podre e adulterada; que o que importa não é a população estar comendo papelão e ácido, mas sim o fato de que alguém algum dia circulou um hoax dizendo que Lulinha era dono da Friboi; que há uma conspiração da PF com o MP e os EUA para destruir esse grande orgulho nacional, a indústria da carne — indústria da carne podre que rega propinas para políticos, essa parte eles se esquecem de acrescentar.
    Não há testemunho melhor da falência dessa guerrilha de contra-informação na qual a esquerda apostou nos últimos anos: revela-se que a população está comendo carne podre, mas os caras estão preocupados com a queda do lucro e o dano à imagem da “indústria nacional”.
    Nojo define.

    chest- o amigo do Pax, despetizou…

  126. Guatambu said

    Chest,

    Na realidade o Idelber capitalizou! Ele percebeu que vende mais sendo mais honesto intelectualmente, só isso. Já que a fonte de receita vinda do governo acabou…. Agora ele tem que navegar nas águas difíceis do mercado! Que bom!!

    O mais legal disso é que muitos dos esquerdistas que eram enrustidos, mas aqui e acolá compartilhavam algumas dessas matérias de “contra-informação”, deixaram de fazer, porque quem é enrustido, é enrustido porque odeia passar vergonha.

    Outros esquerdistas, não enrustidos, como o Pax, por exemplo, simplesmente se veem forçados a abandonar o barco pelo fato de que o barco está inabitável com o que restou dá ideologia e dá cartilha pregada.

    Os mais estridentes ou estão sofrendo com a falta de verba, ou estão morrendo de medo de alguma ação judicial.

    Não sobrou muita coisa Chest! Hua hua hua!!!

  127. Patriarca da Paciência said

    E aí, Chesterton, você ainda diz que a Friboi é do Lulinha ?

  128. Patriarca da Paciência said

    E ai, Chesterton, tudo que é privado é bom ?

    Já foram destruídas as industrias naval, aquelas ligadas ao petróleo, as empreiteiras e… agora… estão destruindo o agro-negócio. E o Brasil marchando celeremente para ser novamente um grande exportador de açúcar, soja e banana !

  129. Patriarca da Paciência said

    E aí, Chesterton, voce continua sustentando que “o PT é a origem de todo o mal” ?: E que apenas o PT, comandado pelo Lula, é um partido corrupto ?

    Você vem escrevendo essas “sabedorrências” faz muitos anos e, faz muitos anos também, que venho escrevendo que não acredito em politicos imaculados nem aqui, nem na China, nem nos Steites, nem nas Oropas e, sequer, em outro planeta !

  130. Patriarca da Paciência said

    Florestan Fernandes Júnior, em seu Facebook

    Três concorrentes brasileiros incomodavam os EUA: Petróleo, Empreiteiras e industria de Embutidos (salsichas, presuntos, linguiças etc).

    Nos últimos anos várias empresas desses setores se transformaram em multinacionais e operavam fortemente na América Latina, Africa, Asia e até nos Estados Unidos.

    Desde 2015 essas empresas brasileiras estão sendo varridas do mercado internacional através de investigações por fraudes e corrupção.

    De gigantes voltaram a ser anãs.

    Agora entendo o sentido da frase de Obama quando disse que o Lula era o cara. Era o cara que comandava o país a ser alvejado. Éramos penetras na festa dos ricos.

    Operávamos com a mesma desenvoltura para ganhar licitações como fazem as grandes do mundo: Siemens, Alstom, Bombardier, etc.

    Todas investigadas recentemente, mas preservadas e trabalhando normalmente, inclusive aqui no nosso país em obras como a do metrô.

    Uma pergunta me intriga: será que todo esse estrago na economia brasileira foi orquestrado lá fora?

  131. Guatambu said

    E ai?!

    Preparados para ganhar dinheiro com mais uma oportunidade de especulação que só a esquerda eh capaz de proporcionar?

    Vamos aguardar! Jaja vai ser hora de comprar ações dá BRF e dá JBS!

  132. Chesterton said

    parece que acharam 4 toneladas de cocaina no barco de Obama

  133. Pedro said

    Sirene de polícia causa dez infartos em seminário do PT sobre a Lava Jato.

    O Partido dos Trabalhadores realiza nesta sexta-feira um seminário chamado “O que a Lava Jato tem feito pelo Brasil” com presença de lideranças, deputados, senadores e do ex-presidente Lula. O objetivo é criticar o efeito negativo na economia, mas o evento ficou marcado por um tumulto que levou muitas pessoas ao hospital.

    Um filiado ao partido trouxe o filho que, para se distrair, jogava o game Grand Theft Auto em seu videogame portátil. Uma confusão tomou conta do ambiente quando, numa perseguição policial no jogo, o barulho de sirenes de polícia tomou conta do ar.

    Pelo menos dez petistas foram levados para o hospital com princípio de infarto. Cinco foram pisoteados quando quase todos tentaram fugir ao mesmo tempo.

    Antes, a entrega de comida japonesa por um delivery quase causou o mesmo efeito. Quando alguém falou “o japonês chegou”, alguns petistas ameaçaram se jogar pela janela.

    O evento tinha tudo para dar certo: no lugar de pulseirinhas VIP, o evento conta com um camarote em que só entra quem tiver tornozeleira eletrônica.

    Só entrava no evento quem tinha nome na lista. Do Janot.

    Muitos palestrantes reclamaram que ninguém prestava atenção na mesa e passavam o tempo todo trocando informações sobre advogados.

    sensacionalista

  134. Chesterton said

    http://www.ilisp.org/noticias/mesmo-tendo-maiores-reservas-petroliferas-mundo-venezuela-fica-sem-gasolina/

  135. Patriarca da Paciência said

    Assim como aconteceu na Petrobras após a Lava Jato, frigoríficos brasileiros serão processados nos Estados Unidos após a Operação Carne Fraca, que já causou prejuízos gigantescos ao Brasil; ao menos três escritórios de Nova York — Rosen Law, Faruqi & Faruqi,e Pomerantz — ofereceram seus serviços(247)

    Comenta isto aí, Chesterton. Você não aplaudia os processos dos norte-americanos contra a Petrobrás ?

    E aí, o que você acha do agro-negócio ter sido jogado na lama ?

Faça seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: